3 grandes com mais de 100M€ em emprestados

FC Porto, Benfica e Sporting têm neste momento 90 jogadores a rodarem noutros clubes. Alguns foram grandes investimentos difíceis de recuperar. Os azuis e brancos são o clube com mais futebolistas cedidos, num total de 38

FC Porto, Benfica e Sporting têm em conjunto 90 jogadores emprestados, espalhados um pouco por todo o mundo. Um número assustador que representa, no total, um investimento de 116,25 milhões de euros. Um valor aproximado, até porque há casos de contratações em que os montantes envolvidos não foram revelados.
Numa altura em que os três principais clubes nacionais têm equipa B, o elevado número de futebolistas excedentários representa outro plantel. Ainda assim, é bom referir que a esmagadora maioria dos casos não acarretam encargos com ordenados, que são suportados pelos clubes que recebem esses jogadores. Além disso, FC Porto, Benfica e Sporting cobram taxa de empréstimo desses atletas, sobretudo quando os acordos são com clubes estrangeiros.

Neste lote de emprestados há três categorias de jogadores que convém distinguir. O maior peso vai para as contratações que não renderam o que era esperado e que procuram outras paragens para relançarem as carreiras, por forma a que a entidade patronal possa ter expectativas de recuperar os elevados investimentos realizados.

Há ainda um patamar de jovens contratados a relativo baixo custo numa perspetiva de futuro e que estão a rodar para poderem evoluir e, eventualmente, regressarem para integrar os planteis principais. Finalmente, há outro lote de jogadores da formação, que procuram consolidar a última etapa de crescimento para voltarem à casa-mãe.

O maior peso está no Dragão
O clube que mais jogadores tem sob contrato é o FC Porto. São no total 38 futebolistas, dos quais dez são oriundos da formação, que representam um total de investimento de 49,15 milhões de euros.

Curiosamente, 50% deste valor foi destinado à contratação de apenas quatro jogadores: Bruno Martins Indi (7,7 milhões de euros), Diego Reyes (sete), Walter (seis) e Hernâni (quatro). Se a recuperação de todo ou de parte do investimento parece ser viável nos dois primeiros casos, por serem titulares no Stoke City e Espanyol, respetivamente, já os outros casos são mais complicados.

O brasileiro Walter, contratado pelos dragões em 2010, já tem 27 anos, e tem andado a saltar por vários clubes brasileiros, que não são financeiramente muito fortes. No Goiás, o avançado tem sido titular, mas apenas marcou três golos em 19 jogos no Brasileirão. Por sua vez, Hernâni, após uma época intermitente no Olympiacos, regressou ao V. Guimarães, onde terá de recuperar os níveis que levaram o FC Porto a contratá-lo em janeiro de 2015.

O jogador que mais se tem destacado neste início de época é o maliano Marega, que na segunda metade da época passada desiludiu de dragão ao peito, mas agora é o melhor marcador da Liga ao serviço do V. Guimarães, falando-se já na possibilidade de regressar ao FC Porto em janeiro. Em bom nível está o camaronês Aboubakar, titular nos turcos do Besiktas, com dois golos marcados na Liga dos Campeões, pelo que existe a possibilidade de a SAD portista realizar um bom encaixe, a acrescentar aos 2,5 milhões de euros do empréstimo. No entanto, os dragões só têm 30% do passe.

Ola John e Djuricic em estado crítico

Já o Benfica tem 27 jogadores a rodar noutros clubes, o que representa um total de investimento de 48,85 milhões de euros. Contudo, a SAD encarnada tem entre mãos dois casos que podem ser considerados críticos, pois as contratações representaram um investimento de 15 milhões de euros: Ola John (Wolverhampton) e Filip Djuricic (Sampdoria). São problemas críticos porque se trata de dois jogadores que pouco ou nada têm jogado nos clubes onde estão.

O holandês Ola John já está no terceiro empréstimo e apenas fez três jogos nesta época no clube do segundo escalão inglês, o que, a manter-se, poderá significar uma insustentável desvalorização de um jogador contratado em 2012 por nove milhões de euros. Em igual situação está o sérvio Djuricic, que tem apenas 19 minutos cumpridos na Série A italiana, sendo a Sampdoria já o quarto clube onde o Benfica o colocou, não tendo sido feliz nas passagens por Mainz, Southampton e Anderlecht.

A boa notícia para os encarnados é o facto de Bryan Cristante, por quem foram pagos seis milhões de euros em 2014, jogar assiduamente no Pescara, o que pode fazer que outro emblema italiano, financeiramente mais forte, possa vir a interessar-se pelo médio de 21 anos e assim minorar os "estragos". Em melhor situação está Anderson Talisca, que está a brilhar no Besiktas, pelo qual já marcou quatro golos, um deles na Luz no jogo da Champions. A possibilidade de recuperar os quatro milhões de euros investidos em 2014 é, por isso, viável, apesar da lesão sofrida pelo brasileiro que o vai manter inativo durante três meses.

Os encarnados têm ainda sete jogadores da formação emprestados, encontrando-se três deles em Inglaterra com rendimento interessante: Hildeberto Pereira, João Teixeira e Hélder Costa.

Leões mais desafogados
A folha de empréstimos menos pesada é a do Sporting, pois, apesar de ter 25 jogadores nestas condições, estes representam apenas um investimento de 18,25 milhões de euros.

Os casos de Teo Gutiérrez e Hernán Barcos, que juntos custaram 5,5 milhões de euros, apresentam-se como as situações mais complicadas, pois ambos têm mais de 30 anos e encontram-se na Argentina, onde não se têm destacado até ao momento, o que complica a recuperação do investimento pela SAD do Sporting.

Outro argentino, o lateral Jonathan Silva, tem apenas 22 anos e é uma das peças importantes do Boca Juniores, pelo que a recuperação dos 2,6 milhões de euros se apresenta como bastante viável, ao contrário, até ver, do escocês Ryan Gauld, porque quem os leões pagaram 2,5 milhões de euros, mas que no V. Setúbal tem passado muito tempo no banco.

O Sporting é, dos principais clubes portugueses, o que tem mais jogadores da formação emprestados. São 12, dos quais se destaca Carlos Mané, que foi para o Estugarda, da II liga alemã, depois de três épocas completas na equipa principal dos leões.
Read More

O que me assusta não é o SLB, é a debilidade do FCP

Sinais de alarme no dragão... Rodolfo Reis, antigo capitão do FC Porto, lamentou o deslize do FC Porto no Bonfim.

"O FC Porto a jogar em casa, contra quem for, tem sempre mais percentagem de favoritismo que o adversário. Sei o que é jogar no Dragão e os adeptos puxam sempre pela equipa nestes jogos, conseguindo que a equipa se transcenda. Se o FC Porto tivesse feito o trabalho dele, ganhando ao Benfica ficaria com hipótese de ser 1º e o Benfica jogaria de maneira diferente, mais retraído, tentando o contra-golpe. Assim, mesmo perdendo, fica em 1º por isso antevejo jogo de 'bola lá, bola cá'. Normalmente, o Benfica não joga assim no Dragão mas sim com as linhas mais juntas. Vai ser um jogo bonito e acho que o FC Porto vai ganhar mas o Benfica vai dar excelente réplica".

Criticando a arbitragem da partida em Setúbal - "João Pinheiro foi um... pinheiro autêntico" -, Rodolfo Reis deixou claro: "O que me assusta não é o poderio do Benfica, é a debilidade do FC Porto."
 
 
Read More

O profissionalismo do futebol do SLB


Atividade de Futebolistas do Benfica monitorizada por “relógio do sono”

Actiwatch permite analisar cada jogador e estabelecer o seu padrão de ciclo vigília-sono. Equipamento da Philips parece um relógio de pulso e é usado para armazenar e fornecer dados precisos sobre a atividade, sono, vigília e exposição à luz.

A Philips Respironics, linha de negócio da Royal Philips e o Sport Lisboa e Benfica estabeleceram uma parceria com o objetivo de monitorizar, entre outros dados, os ciclos de vigília-sono dos atletas do clube português. Através do uso de um dispositivo Actiwatch, similar a um relógio de pulso, são recolhidas informações importantes para o desempenho desportivo dos atletas do clube, como atividade, sono, vigília, horários praticados (deitar/levantar/sestas), e exposição à luz solar de cada atleta.

O Sport Lisboa e Benfica, depois de examinar os dados recolhidos e armazenados pelo Actiwatch, consegue estabelecer para cada jogador um padrão de ciclo vigília-sono, e depois de este padrão estar estabelecido perceber como cada atleta reage em diferentes situações, como jogos à Noite vs Jogos à Tarde; Dois jogos por semana onde existe pouco tempo de recuperação entre esforços; Jogos que impliquem Viagens Internacionais; etc.

O dispositivo Actiwatch permite também auxiliar quanto ao número de dias de antecipação com que as deslocações mais longas devem acontecer, antes e depois de jogos, sobretudo se existirem diferenças horárias significativas.

Para o Benfica LAB, esta parceria é importante porque “Permite-nos obter dados fiáveis relativos a um parâmetro que se assume importante nos processos de recuperação pós-esforço – O Sono. Contribui também para a gestão que fazemos consoante os diferentes contextos a que os atletas são expostos. Estes constrangimentos implicam alterações nos padrões de sono dos atletas, e consequentemente na sua Recuperação e Performance. Esta gestão só é possível se conseguirmos individualizar a monitorização, uma vez que as adaptações dos atletas são diferentes, e o Actiwatch permite-nos essa abordagem.”

Os dispositivos Actiwatch, validados cientificamente, são usados por milhares de pessoas em todo o mundo, incluindo em laboratórios de sono, programas de pesquisa e ensaios clínicos. Para além de serem cómodos e resistentes á água, podem ser usados ininterruptamente durante meses e registam os dados de forma contínua. São instrumentos de recolha de informação muito utilizados em pesquisas sobre sono, dor, cansaço e depressão, e podem ser aplicados a todas as idades, não sendo uma monitorização invasiva ou que obrigue a internamento hospitalar.

Estes aparelhos da Philips, que podem ser considerados actígrafos, têm um acelerómetro sensível ao movimento em todas as direcções e utilizam um método de integração digital que inclui a frequência e a magnitude do movimento. A actividade é expressa em “Counts”, que são uma medida relativa comparável com os G’s de aceleração. O actígrafo fornece dados objectivos sobre a actividade, repouso, ciclo vigília-sono; gravações periódicas/consecutivas; dados da actividade diária; horários praticados (deitar/levantar/sestas) e volume e intensidade de exercício.
Read More

Liga inicia testes com vídeo-árbitro em janeiro


Que boas notícias! Isto do vídeo árbitro vai mesmo avançar! Depois de boas novidades na Holanda (VER AQUI) também notícias positivas em Portugal. Para os mais conservadores, digo que o International Board só admite que esta tecnologia seja aplicada em lances de golo, penalties, cartões vermelhos directo e troca de identidades, por exemplo em cartões. Não haverá assim perigo de demasiadas interrupções mas os lances decisivos de uma partida de futebol poderão agora, na esmagadora maioria dos casos, ser bem avaliada.

Os testes offline do vídeo-árbitro previstos pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) vão iniciar-se em Janeiro, durante a disputa da final four da Taça da Liga.

De acordo com um documento a que a agência Lusa teve acesso, os testes servirão para que a Liga possa avaliar o parceiro tecnológico com que irá trabalhar, a solução escolhida e os aspetos operacionais, “de modo a obter autorização do International Board (IFAB)/FIFA para iniciar os testes ao vivo (live) a partir do início da época 2017/18″.
Uma delegação da LPFP, encabeçada pelo diretor executivo coordenador, Pedro Correia, participou no terceiro seminário sobre a experiência do vídeo-árbitro, realizada em Zurique, na Suíça, e que terminou na sexta-feira, certame organizado pelo IFAB e pela FIFA, no qual estiveram um total de 35 peritos em representação de 11 países.

Sobre a experiência do vídeo-árbitro, Pedro Correia referiu: “A Liga Portugal, no seu papel de organizador das competições profissionais, deseja estar na vanguarda do desenvolvimento tecnológico em prol do futebol português”.
“Na sequência de várias reuniões preparatórias, a Liga Portugal foi convidada a participar nesta experiência, que incluiu ainda outros cinco países que estão na vanguarda e foram os primeiros a aceitar o protocolo e requisitos estabelecidos pelo IFAB e pela FIFA em Junho de 2016”.
Pedro Correia destacou a importância do projeto para o futebol português e o facto de Portugal ter de estar “na vanguarda dos países que testam e que poderão influenciar os decisores no momento certo”.
“Os diversos agentes do futebol português terão de ter a visão e coragem para estar na vanguarda, sob pena de as nossas competições se tornarem satélites das grandes ligas”, finalizou.

Em Portugal, o vídeo-árbitro já foi testado no encontro da Supertaça entre o Benfica e o Sporting de Braga, jogo dirigido por Jorge Sousa, em sistema de offline, ou seja, não prevê a comunicação entre o árbitro e o vídeo-árbitro.

A FIFA testará pela primeira vez o sistema no Mundial de clubes, que decorrerá no Japão em Dezembro de 2016 e que servirá de ensaio antes da autorização do IFAB para testes com comunicação, a decorrerem em 2017. A Taça da Confederações, na qual participará Portugal na qualidade de campeão europeu, será também usada no intuito de se avaliar uma potencial introdução do vídeo-árbitro no Mundial de 2018.

No âmbito da LPFP, serão tidas em consideração as várias competições profissionais que a instituição organiza, as I e II ligas e a Taça da Liga.

O IFAB, que iniciou a experiência em 05 de Março último e cuja decisão final sobre a possível introdução em competições de futebol será tomada em 2018/2019, tem planeados dois tipos de teste.
Um primeiro denominado offline, que não prevê a comunicação entre o vídeo-árbitro e o árbitro, que servem para ensaio e familiarização com a plataforma tecnológica, aspetos operacionais e para avaliar o número potencial de paragens, e sua duração, no decurso de um jogo. Nestes testes não haverá impacto no jogo.
O segundo é o denominado ‘live’, que permite a comunicação do vídeo-árbitro com o árbitro em jogos de caráter particular e com consequente impacto nas decisões do jogo. A realização deste tipo de teste implica uma autorização expressa do IFAB.

Read More

Quando a esmola é grande...

É de desconfiar Benfica! Muito cuidado Rui Vitória e que a lição do ano passado que deu ao SCP lhe sirva de exemplo.
Agora como adepto benfiquista escrevo que é uma sensação um bocado estranha... Demasiado bom para ser verdade!

A crise exibicional nos rivais do SLB é evidente... Estão transformados nos verdadeiros empatas. Ontem o SCP tinha ficado muito aquém do que um candidato ao título deve fazer e hoje os FC Porto, só alvejou a baliza do V. Setúbal por 3 vezes. Manifestamente pouco.


Read More

A culpa é de Bruno Carvalho

Muitos sportinguistas vão virar-se contra o treinador, muitos vão dizer que a culpa é dos atletas, outros dirão que foram os árbitros... Para mim, Bruno de Carvalho é que ainda não é o Presidente que o SCP precisa. BdC, desde que assumiu a presidência do Clube, criou um estado de revolução permanente que ele queria que fosse no futebol português mas que, na realidade, é no Sporting. BdC faz me lembrar o Vieira nos seus primeiros anos no SLB - com os resultados que todos conhecemos. Por exemplo, a equipa empata em casa com o Tondela e o Presidente sai disparado para o meio do relvado a reclamar com o árbitro. Isto é estúpido! A não ser que o juiz tivesse tirado 2 penalties, anulado golos limpos, etc. o Presidente de um grande tem de mostrar aos jogadores que, em casa, o SCP tem de dar 3-0 ao Tondela. 
Vieira percebeu, como BdC vai perceber, que os árbitros são uma classe muito unida, e mais do que estarem corrompidos não gostam de ter uma pessoa com o palanco de BdC a criticar a sua honra durante meses seguidos. Aliás, se quisermos, como mostra esta imagem do Hugo Gil, a culpa é sempre dos árbitros.



«1. Uma coisa deve ser dita sobre BdC: tem olho para treinadores. L. Jardim, M. Silva, J. Jesus, tudo bons treinadores que têm o que é preciso para serem vencedores em Portugal. Contudo, BdC, desde que assumiu a presidência do Clube, criou um estado de revolução permanente que ele queria que fosse no futebol português mas que, na realidade, é no Sporting.
2. Leonardo Jardim conseguiu dar consistência ao futebol do Sporting em apenas um ano. As exibições não eram as melhores, mas havia solidez que, com tempo, permitiria a evolução do estilo de jogo. É isso que está a acontecer no Mónaco, numa equipa que todos os anos perde os seus melhores jogadores e que, contudo, parece mais forte a cada ano que passa... graças aos jogadores da formação! Que melhor treinador havia para o Sporting, para o ADN do Sporting? Não vejo ninguém. Foi substituído ao final do primeiro ano pelo Marco Silva.
3. Marco Silva chegou e meteu a equipa a jogador melhor futebol. Um treinador com uma margem de progressão enorme que qualquer um dos três grandes queria num projecto a médio termo. Conquistou uma Taça de Portugal e conquistou os jogadores numa temporada em que, a dado momento, BdC decidiu criar instabilidade. Em vez de dar o braço a torcer, BdC correu com um treinador que tinha tudo para dar, com regularidade, sucesso desportivo ao Sporting. Foi substituído pelo Jorge Jesus.
4. Jorge Jesus chega e junta à qualidade de jogo os resultados. Contudo, o mesmo ego que fez com que Jesus perdesse dois campeonatos ganhos quando estava no Benfica e ajoelhasse no Dragão, fez com que ele perdesse o campeonato na temporada passada. O que faz BdC? Decide aumentar o ordenado ao Jesus (caindo na mesma cilada na qual Vieira caiu em alguns momentos) por uma Supertaça e uns clássico ganhos. Mais! Deu-lhe o poder total no futebol! Resultado: carradas e carradas de jogadores chegaram, alguns nem jogam e, contudo, tiram o lugar a miúdos que, claramente, se não fariam melhor, pior não fariam e sem estarem a mamar milhões.»

Mas isso são contas do passado, o presente do Sporting é simples: a equipa joga muito pouco, não tem velocidade e qualquer equipa que feche os 11 jogadores atrás consegue bloquear completamente a criatividade do Sporting. O jogo torna-se mastigado, directo e nada envolvente.
O exemplo de ontem: o Sporting entrou 47 vezes na área do adversário mas apenas conseguiu 4 remates na direção da baliza - e se pensarmos que um deles foi o penalty...
Será então altura do Presidente do Sporting virar a sua atenção para estes problemas e não para problemas irreais como o dos 4 campeonatos da década dos 30.
Read More

Implosão leonina

É um mês de Outubro verdadeiramente horroroso para o SC Portugal de Jorge Jesus e de Bruno de Carvalho. Fecha o mês apenas com 1 vitória, 3 empates e 1 derrota. Na Madeira, esta noite, até entrou com força mas uma equipa que está como esta do Sporting não pode desperdiçar grandes penalidades. É a morte do artista.
Agora segue-se a visita a um dos estádios mais difíceis da Europa...

São agora 7 pontos de diferença para o rival e líder Benfica, os mesmo que teve de vantagem a temporada passada. Apenas 7 vitórias em desafios oficias tendo realizado 13, ou seJa, perto da escandalosa marca dos 50%...

Sem Adrien, a equipa não tem qualquer consistência, o abono do ano passado está agora em Leicester e o mágico João Mário encanta em Milão. É evidente que este plantel é mais fraco que o do ano passado mas também é claro que a estrutura do SCP e a sua equipa técnica não souberam reconhecer essa realidade a tempo de planear uma estratégia para vencer, pelo menos, desafios nacionais.
Há também um claro riscar com o ADN do Sporting: muitos estrangeiros, mais de metade do 11 com atletas não formados na Academia de Alcochete. É perigoso tentar mudar as raízes de um clube de forma tão rápida...

O que vale ao leão é que, para haver crises, não há dúvidas que esta é a melhor altura da temporada. Como diz o povo, ainda a procissão vai no adro.


Read More

SLB 3-0 P. Ferreira: águias apontam ao dragão

O Benfica venceu o Paços de Ferreira por 3-0 em partida da 9ª jornada da Liga Nos 2016/17. Os tricampeões prosseguem com a forte onda de vitórias e estão a fazer um campeonato notável - são mais 9 pontos do que na mesma ronda da liga do ano passado.
Para já, garantiram que na próxima semana, quando entrarem no Estádio do Dragão, para aquele que é tradicionalmente o jogo mais difícil do campeonato para os encarnados, saem sempre do Porto sem ninguém à frente. Não deixa de ser uma garantia que dá alguma tranquilidade e não me lembro na história recente, com o clássico em casa do FCP a ser disputado na 1ª volta, do SLB ter este à vontade. 

Rui Vitória, sem o lesionado Grimaldo, lançou a equipa base das águias desta altura e pareceu-me que quis ver o que o adversário era capaz de fazer. Foi a impressão que me ficou mas os factos são que o Paços de Ferreira entrou bem na partida e controlou os primeiros 10 minutos. O campeão nacional, depois do adversário passar no desafio que este lhe tinha lançado, puxou dos galões e sempre guiado por um electrizante Gonçalo Guedes invadiu a área dos visitantes e não saiu desta até inaugurar o marcador. Foi o jovem português a mandar um verdadeiro míssil depois de belo desenho do ataque do Benfica em que Mitroglou arrastou os centrais, Cervi entrou no espaço livre e meteu para a velocidade de G. Guedes fuzilar o GR. 

Estava feito o mais difícil e depois do golo o líder do campeonato soltou o seu futebol e partiu para uma bela exibição com muitos remates e oportunidades de golo. Foram mais 2 bolas a balançar as redes do Paços. Salvio, depois de cruzamento largo e rasteiro de Eliseu, em que Mitroglou voltou a ser importante com a simulação que iria tocar na bola mas deixou-a correr para o companheiro argentino. E Pizzi depois de um jogada em que foi passando pelos adversários todos e apareceu sozinho na cara de Defendi para apontar mais 1.

Rui Vitória consegue a melhor pontuação do Benfica à 9.ª jornada da Liga (25 pts) desde que a pontuação é a 3 pontos (1995/96). Há 26 anos que o Benfica não conseguia somar 8 vitórias em 9 jornadas da Liga; o último treinador a consegui-lo tinha sido Eriksson (1990/91). Defesa e ataque também entre os melhores do Benfica ao longo das várias edições do campeonato nacional mas, como tão bem se viu o ano passado, isto não é como começa, é como acaba.

Homem do jogo: Gonçalo Guedes, que esteve verdadeiramente explosivo. Sempre a grande velocidade, com direito a dribles, a passes venenosos e a um grande golo. Não é para todos uma exibição destas.


Read More

World Football Summit

Madrid recebe a maior cimeira do mundo do futebol, um espaço de encontro para os principais agentes do panorama futebolístico. São mais de 700 clubes, profissionais, organizações como a FIFA e a UEFA, patrocinadores e meios de comunicação. Todos debatem o futuro da indústria do futebol.
E o futuro está a definir-se sobretudo a leste. Depois do Inter, o AC Milan também deve ser comprado por chineses. Em Inglaterra, são vários os emblemas que já estão nas mãos de investidores asiáticos, incluíndo o campeão em título, o Leicester, que foi comprado por um milionário tailandês.

O antigo presidente da Premier League, Rick Parry, defende que é necessário algum cuidado com esta injeção de dinheiro do oriente. “Atingimos outro nível de complexidade. Se por um lado ajuda na gestão financeira dos clubes, por outro existe o risco de haver um desperdício de dinheiro. É também uma grande oportunidade para aumentar as audiências: na China há 1,3 milhões de fãs, na Índia também, um número vasto e crescente de pessoas interessadas no futebol. Estes países são as próximas grandes fronteiras”, garante Parry.

Mas mesmo com tantos milhões a entrar nas equipas do campeonato inglês, a nível internacional ainda não foram vistos grandes resultados. O britânico explica que “ainda que a Premier League tenha gerado mais lucros que as outras ligas nos últimos anos e tenha gasto o dobro que as outras, os clubes não tiveram êxito a nível europeu. Se por um lado é difícil de perceber, por outro a Premier League é muito competitiva, cada jogo é um grande desafio”.

As questões financeiras dominaram então o primeiro dia de cimeira. O segundo, que decorre esta sexta-feira está mais centrado nas tecnologias que estão a ser usadas no futebol e nas transmissões das partidas.
Fonte: euronews.com
Read More

O sonho de Luís Filipe Vieira

Continua... O processo eleitoral no SL Benfica terminou com uma vitória clara de Luís Filipe Vieira que tem agora toda a legitimidade para mais 4 anos ao serviço do clube. Foram 13.257 votantes, dos quais 95,5% votaram Vieira. 


Read More

As eleições do Benfica

Ponto prévio: Luís Filipe Vieira teve um mandato muito positivo e, na minha opinião, deve continuar a ser o Presidente do Benfica, para cumprir o seu 5º mandato.

E a isto se resume a eleição para mais uma mandato de LFV. Esta campanha foi tão vazia que mesmo eu, que respiro Benfica, me esqueci que hoje era a votação e vim para o Algarve...
Não faz bem ao SLB, um clube que respira democracia, o vazio de ideias que aconteceu nesta campanha. Está no ADN do Benfica, mesmo nos tempos da ditadura de Salazar, a cultura democrática e, mesmo quando tudo parece estar bem, não devemos descurar de afirmar o que nos faz ser Benfica. No SLB não há cheques em branco pois o Benfica é dos sócios e adeptos.

Rapidamente, olho para o mandato de Vieira que acaba agora. Foi o seu melhor. Apoderou-se da hegemonia desportiva do futebol em Portugal com o tricampeonato e também da financeira, com contas bem mais positivas que a dos eternos rivais (isto foi decisivo para ultrapassar finalmente o FCP). Fez da Benfica TV um projecto sem igual no planeta futebol. Conseguiu também organizar uma bonita e justa homenagem ao Pantera Negra. Ganhou aos pontos a aposta em Rui Vitória e a viragem de 180º com a saída de Jorge Jesus. Averbou muitos e importantes troféus nas modalidades.
Isto não quer dizer que não haja sinais menos positivos.  Eu escolheria dois: alguns negócios difíceis de explicar nomeadamente com o A. Madrid e o passivo crescente do clube. Como sempre vou seguir atentamente estes assuntos do meu Benfica e proponha mesmo que o dinheiro das transferências de atletas acima dos 10M€ obrigassem a um detalhe nas AG do clube de onde foi usado o dinheiro. Apenas e só para uma maior transparência interna.

Concluindo digo que, Luís Filipe Vieira, se tiver um mandato desportivo como o que acaba agora arrisca-se a ficar na história do maior clube português como o Presidente com maior sucesso. Parabéns pela eleição e boa sorte.


Read More

SLB esmaga rivais como clube mais eclético

Tendo em conta as modalidades com mais federados e as que têm mais importância histórica, as águias têm mais de 50 títulos de vantagem para o Sporting e mais de 100 para o FC Porto. Este artigo é do final da temporada 2015 e os números não são iguais a este da Wikipedia por exemplo (AQUI). Independentemente dos números é indiscutível a superioridade do SL Benfica.
Não há dúvidas que o futebol é o desporto-rei em Portugal mas a prática desportiva no nosso país vai muito para além disso. Benfica, Sporting e FC Porto são considerados os "três grandes" não só por serem potências no futebol mas também por serem emblemas centenários com um caráter eclético muito vincado. Poucos são mesmo os clubes no Mundo que se podem gabar de terem tantas modalidades em atividade como estes três, um cenário que se vê apenas repercutido em alguns países latinos e não com todas as agremiações de valia inquestionável no futebol.

Lançando um olhar retrospetivo à história, é o Benfica o clube português com mais títulos nas modalidades mais representativas, ou seja, aquelas que têm mais atletas federados no nosso país ou que historicamente foram mais jogadas ou têm um grande peso no palmarés lusitano. Falamos primeiramente do futebol, futsal, andebol, voleibol e basquetebol, os desportos que mais federados têm em Portugal segundo dados de 2013 que constam do site PORDATA. O atletismo e o hóquei em patins são menos representativos [ver tabela abaixo] mas têm uma importância histórica imensurável no desporto nacional que leva a que seja impossível omitir os títulos conquistados nas respetivas modalidades.
Federação Federados (números de 2013)
Futebol* 153.462
Andebol 46.405
Voleibol 43.023
Basquetebol 38.347
Atletismo 14.991
Patinagem** 11.807

*) inclui o futsal **) o hóquei patins agrega a maior parte dos federados

A temporada 2014/15 foi arrasadora para as águias a todos os níveis e só "pecou" mesmo no andebol porque, de resto, todas as modalidades de pavilhão somaram títulos para o Museu Cosme Damião a um bolo a que se junta o futebol e o atletismo. Neste último, os encarnados sagraram-se pentacampeões de pista; no basquetebol foram tetracampeões; no voleibol o tricampeonato passou a ser uma realidade; no futebol, Jesus levou os seus pupilos a um bicampeonato que não se conhecia há 31 anos; no futsal e hóquei em patins, o título nacional voltou a ser uma realidade. Mas há mais. O Benfica logrou ainda chegar a quatro dobradinhas (só faltou a do futebol) e fixou um recorde nacional ao vencer, na mesma temporada, seis campeonatos em diferentes modalidades, algo que até hoje ninguém havia conseguido.

Em apenas uma época, o Benfica amealhou 20 títulos - distribuídos por seis modalidades - em 30 possíveis, o que representa um aproveitamento de 66,6% do mesmo. Ou seja, o emblema da Luz conquistou dois terços dos troféus que disputou. É obra!

A distância para os rivais no somatório de todas as modalidades é agora maior. O Sporting (venceu três títulos em 2014/15) conta 283 troféus, a uns longínquos 54 dos 337 dos encarnados. Mais afastado está o FC Porto que só contabilizou ganhos no andebol (dois). Os dragões têm agora 221 troféus e estão a 116 do líder deste muito desejado ranking, o Benfica.

De referir, por fim, que a comparação entre os três "grandes" nunca poderá ser em toda a linha porque há secções que já foram extintas pelos clubes e no caso do futsal, esta nunca existiu por parte do FC Porto. O Benfica é a única instituição que compete em todas as modalidades citadas e sempre no primeiro escalão ao contrário de leões e dragões. O Sporting não tem equipa fundada ou a mesma não disputa a primeira divisão em basquetebol e voleibol, o mesmo acontecendo para o FC Porto no caso do atletismo, basquetebol, futsal e voleibol.

Ainda assim, é facilmente verificável que o desempenho dos verde e azuis e brancos ficou abaixo do rival da Luz. O Sporting disputou 20 provas diferentes e venceu três delas, o que representa um rácio de apenas 15 por cento de aproveitamento.

Total de títulos
Modalidade Benfica Sporting FC Porto
Andebol 22 38 36
Atletismo 72 137 2
Basquetebol 74 13 37
Futebol 73 42 70
Futsal 20 22 0
Hóquei em Patins 50 18 61
Voleibol 26 13 15
TOTAL 337 283 221

Domínio verde lá fora
Fora de portas, ou seja, no que respeita a títulos internacionais, a história é outra. O Sporting é o clube português mais títulos no que toca a provas conquistadas de nível europeu e mundial, tendo aumentado esse pecúlio na temporada que agora findou. Os leões de Nuno Lopes lograram alcançar a Taça CERS, em hóquei em patins, chegando ao sexto título na modalidade. No hóquei patinado nacional, é o FC Porto quem "manda" internacionalmente com sete, mais um que o Benfica, que foi apanhado pelo Sporting neste âmbito.

Ao todo, são 23 os títulos internacionais do Sporting divididos por quatro modalidades diferentes. Em andebol, e tendo em conta os três grandes, é o clube de Alvalade o único a ter um título para mostrar: a Taça Challenge em 2009/10. Na década de 60, o canto de Morais foi suficiente para alcançar a Taça das Taças em futebol e, além dos já citados seis troféus em hóquei em patins, é o atletismo que ocupa a maior fatia do bolo de títulos internacionais: são 15 ao todo, a começar pelos 14 títulos da Taça dos Clubes Campeões Europeus de Crosse até ao Campeonato da Europa de Pista, conquistado em 2000.

Modalidade Benfica Sporting FC Porto
Andebol 0 1 0
Atletismo 5 15 0
Basquetebol 1 0 0
Futebol 3 1 7
Futsal 1 0 0
Hóquei em Patins 6 6 7
Voleibol 0 0 0
TOTAL 16 23 14


Read More

A razão do caso vouchers

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, abordou o caso dos vouchers e deixou uma alfinetada ao Sporting.

«Quando um determinado clube tem um resultado negativo, surgem essas tempestades dos vouchers. O que pedimos é que sejam rápidos e céleres na decisão. Quem provocou esta situação magoou-nos bastante. A nossa marca fica manchada, mas chegará o dia e a hora em que nos sentaremos no sítio certo», afirmou Luís Filipe Vieira.

Já sobre um eventual castigo, o dirigente encarnado disse que não pensa nisso e lembrou que foi o Benfica a denunciar o caso Apito Dourado, garantindo que há transparência na gestão do clube.

«Nem pensamos nisso. Estamos serenos. Denunciámos o caso Apito Dourado. O que pedimos é que o caso seja rapidamente resolvido. A nossa gestão é transparente. Não queremos ganhar a qualquer preço, queremos ganhar limpo. Acha mesmo que um árbitro se deixa corromper por 300, 400 ou 500 euros? É difícil incomodarem-nos. Essas tempestades são agitadas e temos de estar unidos. O discurso para estas situações é o silêncio. Há quem pense muito em nós. Há quem vá para a cama a pensar no Benfica», afirmou.




Read More

Mais um feito notável no nosso futebol

2016 está a ser em grande para o nosso futebol! A selecção feminina conseguiu ontem o primeiro e histórico apuramento para uma grande competição da modalidade. O Europeu do próximo ano, na Holanda, contará com a nossa bandeira e com as nossas bravas jogadoras. Numa modalidade que não tem a atenção mediática, os fãs e as facilidades que outras é, de facto, um feito notável. Um grande exemplo de determinação. Parabéns!

Encontrei uma entrevista com o Seleccionador Nacional, Francisco Neto, que está muito interessante e que partilho em baixo:

Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres.

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo



Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres. - A seleção feminina subiu quatro lugares no ranking FIFA e ocupa agora a 38ª posição. A que se deve a subida? - É o fruto do trabalho que muito nos orgulha. Este é um projeto de todos. Desde o staff técnico, à direção da FPF, mas também do trabalho realizado nos clubes. Nunca nos podemos esquecer de que as jogadoras são oriundas dos clubes. - Quem é o Cristiano Ronaldo desta seleção feminina?

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo
Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres. - A seleção feminina subiu quatro lugares no ranking FIFA e ocupa agora a 38ª posição. A que se deve a subida? - É o fruto do trabalho que muito nos orgulha. Este é um projeto de todos. Desde o staff técnico, à direção da FPF, mas também do trabalho realizado nos clubes. Nunca nos podemos esquecer de que as jogadoras são oriundas dos clubes. - Quem é o Cristiano Ronaldo desta seleção feminina?

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo
Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres. - A seleção feminina subiu quatro lugares no ranking FIFA e ocupa agora a 38ª posição. A que se deve a subida? - É o fruto do trabalho que muito nos orgulha. Este é um projeto de todos. Desde o staff técnico, à direção da FPF, mas também do trabalho realizado nos clubes. Nunca nos podemos esquecer de que as jogadoras são oriundas dos clubes. - Quem é o Cristiano Ronaldo desta seleção feminina?

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo
Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres. - A seleção feminina subiu quatro lugares no ranking FIFA e ocupa agora a 38ª posição. A que se deve a subida? - É o fruto do trabalho que muito nos orgulha. Este é um projeto de todos. Desde o staff técnico, à direção da FPF, mas também do trabalho realizado nos clubes. Nunca nos podemos esquecer de que as jogadoras são oriundas dos clubes. - Quem é o Cristiano Ronaldo desta seleção feminina?

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo
Correio Sport - Há muitas diferenças em trabalhar com homens e com mulheres? Francisco Neto – Não sinto. Há diferença na capacidade de execução de esforços de alta intensidade. Os homens iniciam mais cedo as práticas e têm outras vivências porque têm mais competição que as mulheres. - A seleção feminina subiu quatro lugares no ranking FIFA e ocupa agora a 38ª posição. A que se deve a subida? - É o fruto do trabalho que muito nos orgulha. Este é um projeto de todos. Desde o staff técnico, à direção da FPF, mas também do trabalho realizado nos clubes. Nunca nos podemos esquecer de que as jogadoras são oriundas dos clubes. - Quem é o Cristiano Ronaldo desta seleção feminina?

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/mais-cm/especiais/selecao-feminina-portugal-rep--checa/detalhe/estas_jogadoras_sao_a_imagem_de_ronaldo
Read More

Golaço!

Kevin-Prince-Boateng!!!!



Read More

Ainda os vouchers: testemunho de um árbitro

O antigo árbitro Marco Ferreira partilhou esta segunda-feira, em declarações à TVI 24, uma experiência vivida a propósito do caso dos vouchers, quando, no espaço de dois dias, recebeu duas caixas com os já famosos 'vales' para refeição. Tudo sucedeu em 2013/14, no célebre duelo entre Benfica e Sporting, que foi adiado devido ao mau tempo. Ora, Marco Ferreira recebeu uma primeira caixa no domingo (dia inicial do jogo) e outra na terça (dia no qual o encontro se disputou).
Esta arbitragem foi aliás elogiada pelo próprio Bruno de Carvalho - AQUI

"Posso contar o que foi a minha experiência, que foi única, pois mais nenhum colega passou o que passei. Foi num Benfica-Sporting, que era a um domingo, num dia de alerta vermelho, e que o jogo foi adiado para terça. Eu era o árbitro desse jogo e recebi duas caixas. Recebi uma no domingo, que o Benfica teve amabilidade de me oferecer, como oferece a todos. Era uma caixa com a camisola do Eusébio e os tais vouchers. Na terça-feira, voltaram a dar-me uma caixa... Até disse à pessoa que me entregou, ao Sheu, uma pessoa que respeito muito, uma figura carismática do Benfica e futebol português, que me já tinham dado uma no domingo. Ele disse-me que não havia problema. 'Fique com mais uma. Para si e para os seus colegas'", recordou o antigo juiz.
O cronista Record aproveitou igualmente para referir que aquela foi a primeira e única vez que recebeu a lembrança, ainda que assegure que em todos os estádios são entregues lembranças. "Foi somente nesse jogo, já que depois deixei de arbitrar tanto o Benfica como o Benfica B. Sabia que era recorrente nos jogos do Benfica, mas não é só no Benfica. Em qualquer estádio, até no Sporting ou FC Porto, sempre ofereceram uma camisola... E falam muito dos vouchers, mas se calhar as camisolas oficiais desses clubes são mais caras do que um jantar", apontou.

De resto, Marco Ferreira assegura que não viu qualquer ilegalidade naquele procedimento. "Vi com absoluta normalidade. Aliás, se achasse que não fosse algo digno não aceitaria e teria feito queixa ao Conselho de Arbitragem. Aceitei aquilo como normal", assegurou.

Uma investigação... tardia
Na ótica do ex-juiz, de 39 anos, a investigação a estas ofertas só peca por tardia. "O Benfica antigamente colocava sempre umas lembranças no balneário, em acrílico, com o registo do jogo e o nome do árbitro. Depois do Apito Dourado deixou de o fazer. Voltaram a dar depois da situação do Eusébio e nós levámos isso como uma homenagem a uma figura do clube e do futebol português. Mas deve investigar-se se acham que deve ser. A investigação não serve só para condenar, mas também para a verdade vir ao de cima. Apenas peca por tardia", admitiu.

Marco Ferreira deixou ainda claro que nunca utilizou os vouchers oferecidos. "Aliás, é público que nenhum árbitro usou. Há até colegas que nem se aperceberam que a caixa tinha vouchers para refeições. Nunca tive o prazer de visitar o Museu da Cerveja... A caixa tinha uma camisola que fazia referência ao Eusébio e depois tinha um documento que dizia que era preciso fazer uma chamada para marcar a visita ao museu. Ao ler aquilo, muitos dos meus colegas pensavam que só dava para o museu", admitiu.

A finalizar, o antigo juiz deixa claro que nunca se sentiu 'pressionado' para beneficiar a troco de qualquer oferta: "Nunca ninguém do Benfica, e já o disse publicamente, nem de nenhum clube em Portugal, me pediu o que quer que seja em troco de ofertas ou presentes. É impensável hoje em dia pensar-se que os árbitros podem ser influenciados com duas refeições."

Autor: Fábio Lima - www.record.xl.pt
Read More

Sporting também deu ofertas a árbitros

Afinal os árbitros testemunharam que não foi só o Benfica a dar ofertas antes dos jogos...
«Durante o inquérito da Comissão de Instrução e Inquéritos (CII) ao caso dos vouchers, feito há cerca de um ano, todos os árbitros confirmaram que receberam prendas do Benfica, bem como de todos os outros clubes.
A resposta dos 180 juízes foi dada em bloco, através de uma minuta criada pela própria Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF). Aí, confirmaram as ofertas, não apenas por parte do clube da Luz mas de todos os emblemas, sendo essas as mais variadas, desde os tais ‘kits’ a produtos regionais ou outras lembranças.
De qualquer forma, todos os árbitros responderam em consciência, pois nenhum deles considerou essas ofertas como tentativas de aliciamento. Aliás, as prendas foram, como sempre aconteceu, feitas no final dos jogos.
Curiosamente, a pergunta direta relacionada com o Benfica, à qual todos responderam sim, não referia vouchers para jantares mas apenas se o clube da Luz tinha oferecido alguma coisa.» Fonte: record.xl.pt


Read More

Renato Sanches conquista prestigiado Golden Boy

É o primeiro português a conquistar este prémio e é formado na academia do SL Benfica. Renato Sanches é o vencedor da 14.ª edição do Golden Boy, que irá receber esta noite na Gala que será realizada em Monte Carlo. O prestigiado prémio atribuído pelo jornal italiano "Tuttosport" destina-se a jogadores com menos de 21 anos e o internacional português, de 19 anos, foi o mais votado pelos membros do júri que além de jornalistas da referida publicação incluem outros de diversos jornais europeus. Entre os candidatos ao prémio encontravam-se também o seu ex-colega de equipa no Benfica Gonçalo Guedes e o portista Rúben Neves.

Com esta conquista, Renato Sanches viveu um ano de 2016 verdadeiramente especial. O médio, recorde-se, começou a temporada de 2015/16 na equipa B do Benfica, mas não demorou a ser chamado à equipa principal por Rui Vitória e tornou-se num dos indiscutíveis da equipa que viria a sagrar-se campeã nacional e ainda ganharia a Taça da Liga. Já depois de ter sido confirmada a transferência para o Bayern, onde está a jogar este ano, Renato Sanches foi convocado por Fernando Santos para o Euro'2016. Também na Seleção Nacional começou como suplente e terminou como titular e festejando a inédita conquista do título continental por Portugal.


Atribuído pela primeira vez em 2003, o Golden Boy já foi parar às mãos de alguns dos melhores jogadores da atualidade, nomeadamente os argentinos Messi e Aguero. Em 2008 foi premiado Anderson, médio brasileiro que tinha trocado essa época o FC Porto pelo Manchester United.

A lista de todos os vencedores é a seguinte:
2003 Van der Vaart (Holanda)
2004 Rooney (Inglaterra)
2005 Messi (Argentina)
2006 Fàbregas (Espanha)
2007 Aguero (Argentina)
2008 Anderson (Brasil)
2009 Alexandre Pato (Brasil)
2010 Balotelli (Itália)
2011 Goetze (Alemanha)
2012 Isco (Espanha)
2013 Pogba (França)
2014 Sterling (Inglaterra)
2015 Martial (França)
2016 Renato Sanches (Portugal)
Read More

Belenenses 0-2 Benfica: campeão soma e segue

O Benfica venceu o Belenenses por 0-2 em jogo da 8ª jornada disputado no Restelo. Vitória importante, não desaproveitando o escorregão do rival Sporting e voltando para a liderança isolada, com 3 pontos de vantagem sobre o FC Porto e, agora, 5 do SCP.

Rui Vitória lançou exactamente a mesma equipa que tinha vencido em Kiev na 4ª feira e o Benfica mostrou que essa história do vírus Champions, quando as coisas são bem feitas e há trabalho, é uma grande desculpa. Partida totalmente controlada, boas jogadas, futebol espectáculo, entrega total dos atletas e várias oportunidades de golo para os encarnados.

Desde o início que se adivinhou que a noite ia ser longa para os azuis do restelo... A entrada das águias foi forte, colocando muitas dificuldades para uma desorganizada defesa do Belenenses, e o golo chegou naturalmente através de um canto de Pizzi e de uma cabeçada certeira de Mitroglou. 4º golo do grego no campeonato e 5ª assistência do português nesta temporada.


A equipa da casa ainda deu um ar da sua graça, e Yebda, antigo jogador do Benfica, ameaçou Ederson antes do intervalo, num lance de bola parada. Mas a diferença entre estas duas equipas de Lisboa era bem vincada e Grimaldo, a meio da 2ª parte, resolveu em definitivo a atribuição dos 3 pontos.

Rui Vitória está a ter um 2016 genial! É brincadeira falar em qualquer outro adjectivo que não seja elogiar o trabalho sério e competente do treinador do Benfica. Está à vista de toda a gente a competência, em tantos e tão variados aspectos, deste senhor. Hoje bateu um recorde de Hagan com mais de 43 anos: o treinador inglês do SLB, tinha conseguido conquistar 15 vitórias consecutivas fora na Lig. Hoje, Vitória somou a 16ª seguida.
Read More

Ederson: o verdadeiro talismã

Ederson Moraes, guarda-redes do Benfica, deve voltar hoje, na visita ao Restelo, a ser titular na baliza do SLB. O jovem formado no Seixal tem estatísticas fantásticas que o tornam num caso ímpar no futebol nacional e num verdadeiro talismã para as águias.
  • 23 jogos como titular (20v2e1d)
  • 87% percentagem de vitória
  • 15 golos sofridos em 23 encontros 

  • 12 partidas na I Liga - 12 vitórias, 5 golos sofridos
  • Champions: 5 desafios - (2v2e1d) ( derrota em Munique)

Read More

SLB pondera colocar Nélson Évora em tribunal

Foi ontem a segunda maior surpresa em Alvalade: Nélson Évora virou as costas ao Benfica, clube onde esteve 12 anos, e saltou para o rival da 2ª circular.

A decisão de Nélson Évora deixou toda a gente surpreendida na Luz. Ao que o DN apurou, a estupefação é ainda maior porque, segundo fonte próxima do processo, o clube já tinha acionado junto do atleta o direito de opção previsto no contrato que finalizava no final deste ciclo olímpico, pelo que o saltador teria mais 1 ano de contrato com o Benfica, ou seja até 2017.
Luís Bernardo, diretor de comunicação dos encarnados, não confirmou este facto mas deixou perceber que a situação é complicada. "Vamos ouvir primeiro o que o Nélson Évora tem para dizer e como justifica esta mudança", disse, escusando-se a adiantar se o Benfica irá acionar juridicamente o atleta. 

Este não será, no entanto, o único caso similar, pois Tiago Aperta, lançador de dardo, e Rasul Dabo, recordista dos 60 metros barreiras em pista coberta, também vão rumar ao Sporting, apesar de, segundo a mesma fonte, terem também mais um ano de contrato. Deverá então seguir-se uma batalha jurídica com os 3 atletas em questão, algo que oficialmente o Benfica não confirma. 
Read More

Aí Jesus

Um empate caseiro frente ao Tondela a 1 bola, numa partida em que os leões foram totalmente incapazes de criar oportunidades de golo lança a equipa de Jorge Jesus numa enorme crise de resultados e exibições. São 12 partidas esta temporada e 5 deles, quase metade, não terminaram com a vitória do SCP.


Nada! Não há futebol em Alvalade! Dezenas de passes falhados, sem velocidade, sem fio de jogo e sem capacidade de perigar uma das equipas mais modestas do nosso campeonato.
Sinceramente, o resultado mais justo até era a vitória dos visitantes e o SCP só empatou porque colocou 5 atacantes na área adversária e bombardeou a defesa contrária.
 
Petit, o verdadeiro domador de leões, o ano passado tinha empatado em casa dos leões numa fase decisiva da Liga, e agora voltar a ajudar o seu antigo clube. A sua equipa é modesta mas tem a personalidade do seu líder: suor na camisola, correr até morrer e defender muito bem.


Read More

Enzo Pérez lesiona Iniesta

Estava a ver a partida da Liga Espanhola entre Valência e Barcelona e deram-me as saudades de Enzo, um dos jogadores que mais gostei de ver nos relvados portugueses nesta década. Iniesta, por outro lado, não ficou com muitas saudades de Enzo Pérez... O argentino lesionou, pelos vistos gravemente, o médio espanhol neste lance:



Read More

"O título de Portugal foi justo e já o mereciam no Euro2004"

Em entrevista, italiano falou ao DN sobre o recente Campeonato da Europa, de Cristiano Ronaldo e também de José Mourinho. Afastado dos bancos há um ano, continua a acompanhar o futebol de perto e também elogia o comportamento recente das equipas portuguesas nas provas europeias
Está afastado há cerca de um ano do futebol, depois de ter deixado o comando técnico da seleção da Rússia. Como passa agora os dias?
Tento aproveitar ao máximo o tempo com a família, mas é claro que o futebol continua a ser uma parte muito importante. Seja a estudar, a participar em programas ou mesmo a dar palestras. O futebol corre no meu sangue, é difícil passar algumas horas sem pensar nisso.
Pensa então regressar em breve?
Não estou com pressa. Já trabalhei muitos anos seguidos no futebol, e de vez em quando também é bom parar. Dá tempo para ver o futebol do outro lado, de me divertir, de fazer outras coisas. Agora estou a aproveitar tudo isso e a família também me pede para estar mais presente. Passei tantos anos separado deles que agora também sabe bem estar em casa. Mas o futebol continua a ser a minha vida.
Esteve certamente atento ao último Campeonato da Europa. Partilha da opinião daqueles que não valorizaram a conquista de Portugal?
Penso que se pode dizer que Portugal inicialmente não foi uma seleção que convenceu, foi avançando sem grande classe. Mas acima de tudo foi uma equipa com muita humildade e outras seleções subestimaram a seleção portuguesa. Criticavam a sua forma de jogar e depois não ganhavam.
Qual acha que foi então o segredo do sucesso português?
A união, não tenho dúvidas. O estilo de jogo lembrava-me o de Itália, exercendo uma grande pressão sobre o adversário, não permitindo que estes pudessem dar o seu melhor. Depois tinham jogadores como Cristiano Ronaldo e outros que resolviam num lance ou outro.
Considera que o título foi justo?
Claro. Não perderam nenhum jogo e venceram os decisivos. Foi justo assim como acho que já mereciam ter ganho o Euro2004, quando perderam com a Grécia na final. Acredito que fui dos poucos que disse publicamente antes da final que Portugal era favorito diante da França. Eles jogavam em casa, mas sempre acreditei que Portugal sabia qual a fórmula para vencer a França. E conseguiram.
Cristiano Ronaldo foi determinante para o sucesso?
Sim, claro que sim. É um jogador fantástico, mas Portugal ganhou acima de tudo por ser um grupo, uma equipa unida, isso notou-se na final quando Cristiano Ronaldo se lesionou. Mas outros também se destacaram, como Renato Sanches e João Mário, por exemplo.
Disse recentemente que o problema do Real Madrid era ser dependente de Ronaldo. Porque diz isso?
Disse-o baseando-me nas exibições e resultados do Real Madrid sem o melhor Cristiano Ronaldo. Ele esteve algum tempo lesionado e regressou sem estar na sua melhor forma, sem marcar tantos golos e o Real Madrid tem-se ressentido, sobretudo em termos de lesões. Tem tão bons jogadores que não necessitavam de depender de Ronaldo, mas para mim o grande problema do Real Madrid é ser totalmente dependente dele. E isso não é bom para um clube.
Mas essa dependência não impede que ganhem títulos, como a Liga dos Campeões da temporada passada...
Sim, porque como já disse têm outros grandes jogadores, e nesse caso tiveram também Cristiano Ronaldo a fazer uma grande temporada. O problema é mesmo quando Cristiano Ronaldo não está fisicamente bem.
No ano passado criticou José Mourinho por alegadamente "esgotar psicologicamente os jogadores" ao final de ano e meio. O que quis dizer com isso?
Julgo que fui mal entendido. Apenas disse que José Mourinho tem uma forma de trabalhar em que exige demasiado dos jogadores, mas a verdade é que na maioria das vezes acaba por conseguir o que quer deles e tem sucesso nas equipas por onde passa. Daí estar agora também num clube com o valor do Manchester United.
E como tem visto as equipas portuguesas, o Benfica, FC Porto e Sporting, nos últimos anos?
As equipas portuguesas têm crescido muito nos últimos anos, têm feito grandes campanhas nas competições europeias. Isso também se deve ao bom trabalho feito no recrutamento de grandes talentos, que depois acabam por brilhar em outros campeonatos.
Em tantos anos no futebol, qual a história mais engraçada que recorda?
Felizmente posso rir-me com muitos episódios que vivi, mas recordo-me de quando estava a treinar o Real Madrid e ia de férias para Itália. Era muitas vezes apanhado no aeroporto com um presunto debaixo do braço. Os meus filhos são loucos por presunto e pediam-me sempre para levar. Fiz muitas capas de jornais por causa dos presuntos.
É italiano e tem a fama de gostar de estar na moda. É verdade?
Não sei se gosto de estar na moda, sei que gosto de moda, gosto de me vestir bem, de me sentir confortável. Mas isso não quer dizer que pense muito nisso, ou que gaste muito dinheiro para estar bem. Há coisas caras que são horríveis e coisas baratas que são lindas.
Tem algum estilista preferido?
Gosto de muita coisa, mas tenho preferidos, claro, como Palzeri e Armani.


Fonte: dn.pt
Read More

Personagem incontornável do futebol português

O Velho Capitão, como era carinhosamente tratado, foi uma personagem incontornável do futebol português, como jogador e treinador, mas sobretudo como líder e protagonista de algumas frases que marcaram a história.

Nasceu a 17 de Outubro de 1929 em Lourenço Marques (atualmente Maputo). A paixão pelo futebol manifestou-se na infância e foi na filial moçambicana do Benfica, o Desportivo de Lourenço Marques, que começou a mostrar o seu talento e a crescer o seu amor pelos encarnados. Só que, ironia do destino, foi o Sporting que o contratou em 1949 para substituir Fernando Peyroteo, o mítico goleador dos famosos 5 Violinos.

Chegou a Lisboa acompanhado por Juca - outra das grandes figuras leoninas já desaparecido - após uma viagem a bordo do barco Mouzinho de Albuquerque que durou um mês. "Naquela equipa dos Cinco Violinos até um coxo marcava golos", disse alguns anos mais tarde sobre a sua passagem pelo Sporting. Mário Wilson era avançado e fez cinco hat-tricks na primeira época de leão ao peito, mas um dia foi desafiado para jogar como defesa-central por causa da lesão de um companheiro. Nem pestanejou. Jogou, brilhou e ali ficou para sempre.

Além de jogar futebol, em Lisboa, Wilson também estudava, seguindo a recomendação do pai, que lhe dizia que o futebol era coisa passageira. Foi por querer continuar os estudos que, após duas épocas no Sporting, se mudou para Coimbra. Não foi uma transferência pacífica e obrigou até a uma cunha do ministro da educação da altura por forma a que fosse ultrapassada a rigorosa Lei de Opção a que estavam obrigados os futebolistas.

Na Académica, Mário Wilson tornou-se uma figura de proa, não só pelo que jogava, mas também pela luta que protagonizou contra o regime fascista, onde sempre exerceu uma grande influência por ser o capitão de equipa. Em Coimbra ganhou a alcunha de Velho Capitão por ter usado a braçadeira durante muitos anos. Nos últimos anos como jogador, na Briosa, acumulou o cargo de treinador adjunto do seu mestre, Cândido de Oliveira. Depois de pendurar as chuteiras, continuou no cago de adjunto de vários técnicos, o último dos quais José Maria Pedroto, com que mais tarde teve guerras que ficaram célebres. "O Pedroto era intratável. Tinha atitudes que roçavam o racismo", disse numa entrevista ao jornal A Bola.

Enquanto treinador descobriu Toni na Anadia. "Foi ele que me levou para a Académica e a partir daí nasceu um enorme respeito e uma amizade forte, que o levou a chamar-me irmão branco", contou o antigo jogador e treinador do Benfica, com a voz trémula. "Foi o meu segundo pai", acrescentou, destacando "o homem culto e um líder que vivia o futebol com uma grande intensidade". Toni recordou ainda uma das últimas conversas que teve com Mário Wilson: "Foram 30 segundos ao telefone e, sabendo que eu tinha tido um dia mau, apenas disse algo que era habitual: "Toni, Toni, Toni"... Só isso encheu-me a alma. Já sentia nessa altura que era irreversível, ele estava no fim."

Enquanto treinador foi marcante para clubes como o Belenenses, V. Guimarães e Benfica, onde reencontrou Toni, e onde se tornou o primeiro técnico português campeão nacional.

Boas memórias de Mário Wilson
Foram muitos os que privaram com Mário Wilson e que para sempre vão recordar o Velho Capitão. Um deles foi o ex-internacional brasileiro Ricardo Gomes. Com a voz emocionada, o antigo jogador do Benfica fez questão de recordar "o agregador de balneários".

"Era uma pessoa simples, de grande coração. Um símbolo do Benfica, do ser benfiquista, foi isso que me ensinaram e que depois acabei por ver. Vencemos uma Taça, contra o Sporting, e lembro-me da forma que ele uniu o grupo para conseguirmos vencer o Sporting. Fez ver-nos o que era o Benfica, o que era vencer pelo Benfica, sobretudo aos mais novos. Desde que tomou conta da equipa, depois de sair Artur Jorge [1995/1996], acabou por unir mais o grupo, era um agregador de balneários. Um homem bom e um grande treinador", salientou Ricardo Gomes ao DN.

Quem também fez questão de recordar o "amigo" Mário Wilson foi José Augusto, ex-jogador dos encarnados por Portugal. "Era um filósofo do futebol. Uma pessoa que todos amavam e que deixará uma marca no futebol português, não só no Benfica. As palavras são poucas para descrevê-lo como pessoa. Tinha um discurso muito fácil e uma paciência como poucos tinham no mundo do futebol, todos vamos sentir muito a sua falta", referiu.

Também Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, não se esquece do Velho Capitão nesta hora de dor. "Uma figura ímpar do SLB e do futebol português e uma enorme perda para toda a família benfiquista e para a lusofonia. Um ser humano com um coração tão grande nunca nos devia deixar. Razão pelo qual permanecerá sempre na nossa memória como um caso raro de entrega e paixão ao fenómeno desportivo. Pela sua humildade e disponibilidade para o próximo será sempre um exemplo", disse o presidente dos encarnados.

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, recordou o "cavalheiro" que "alcançou o topo", Fernando Gomes, líder da FPF, destacou as "suas inegáveis qualidades humanas" e Paulo Almeida, presidente da Académica", disse que a Briosa ficou "mais frágil e pobre".

Read More

Más notícias no Benfica

Jonas, segundo o jornal Record, só deve voltar às ordens de Rui Vitória em 2017. O melhor marcador da temporada passada está com problemas pós-operatórios (o referido jornal fala numa bactéria hospitalar) e o regresso está muito atrasado.
Apesar de Gonçalo Guedes estar a jogar bem, o SLB está num ciclo de jogos decisivos, e toda a ajuda era bem vinda.



Read More

Isabel dos Santos entra no futebol

Com a velocidade que faz negócios em Portugal, agora que mostrou interesse nesta área, ainda a vamos ver a por dinheiro em algum clube nacional.

Esta é a notícia do Expresso:
«Isabel dos Santos soma agora ao seu império na área da banca, da energia e das telecomunicações uma mais popular: o futebol. A empresária angolana, presidente da Sonangol, a petrolífera estatal, assumiu o cargo de presidente da assembleia-geral do Petro de Luanda, um dos mais carismáticos clubes do país, com cerca de 9000 sócios.

Patrocinado pela Sonangol, este clube fundado em 1980 tem vários títulos conquistados em várias modalidades, do andebol ao basquetebol, passando pelo futebol, o voleibol ou o hóquei em patins. Isabel dos Santos liderou a lista única àquele órgão, do qual fazia também parte Tomás Faria, que foi reeleito presidente da direção do clube. A sua meta (ambiciosa) é chegar aos 100.000 sócios.

A filha primogénita de Eduardo dos Santos, de 43 anos, considerada a mulher mais rica de África, é uma eterna candidata à sucessão do pai na liderança de Angola»
Read More

"Orgulho em ser português"

Já passaram 100 dias desde o final da Final do Euro 2016 e ontem o selecionador português de futebol, Fernando Santos, considerou que a vitória no Euro2016 fez despertar o orgulho em ser português, permitindo a muitos emigrantes a saída da concha onde viviam.
"O que mais me marcou, além da vitória, foi a seleção nacional ter proporcionado a possibilidade de todas essas pessoas [emigrantes portugueses e luso-descendentes a residir em Marcoussis] terem um enorme orgulho em ser português e de saírem da concha. Isso marcou-me muito e, seguramente, marcou o país porque quando formos por esse mundo fora, na diáspora portuguesa, vão ter sempre de levar connosco: têm sempre que dizer que Portugal foi campeão da Europa", alegou.

No dia em que se assinalam 100 dias sobre a vitória de Portugal no Campeonato Europeu, Fernando Santos foi recebido na Câmara de Resende, no norte do distrito de Viseu, onde recordou a chegada a Marcoussis, em França, em que apenas avistaram duas bandeiras portuguesas.
Tal vinha confirmar o que uma portuguesa lhe tinha dito ano e meio antes, quando procuravam um centro de estágios, de que apenas encontrariam dois ou três portugueses naquela vila com cerca de 8 mil habitantes.
"Na altura achei aquilo um bocadinho estranho, mas tinha de acreditar naquilo que a senhora dizia. Mas, com o desenrolar dos acontecimentos, quando saímos de Marcoussis, 80% das casas tinham bandeira portuguesa", referiu.

Fernando Santos congratulou-se por ver que o feito da seleção nacional fez despertar o orgulho em ser português nos nossos emigrantes, que até então preferiam ficar na ‘concha’, não assumindo que eram portugueses para evitar alguns problemas que pudessem vir a surgir.
"O que aconteceu em Marcoussis foi algo que me marcou e vai marcar inteiramente para a vida, pois tem muito a ver com este sentimento de ser português", apontou.

O selecionador português de futebol aproveitou ainda a ocasião para realçar a importância da parceria entre a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Escola de Futsal Os Afonsinhos, do concelho de Resende.
Neste âmbito, durante a tarde de hoje, Fernando Santos marcará presença no Centro Escolar de S. Martinho de Mouros, fazendo-se acompanhar pelo vice-presidente da FPF Humberto Coelho e pelo antigo internacional português João Vieira Pinto, diretor da FPF.
Read More

Rui Vitória já tem as mesmas vitórias que Jesus

Em jogos fora a contar para a Liga dos Campeões, a competição mais competitiva do planeta para clubes. Jorge Jesus, nas suas 6 temporadas na Luz, conseguiu 3 vitórias em partidas da Champions fora do Estádio da Luz. Ora, ontem, com a vitória em Kiev, Rui Vitória já conseguiu chegar a esses triunfos.


Rui Vitória ganhou em casa do Atlético Madrid, Zenit e D. Kiev.
Jorge Jesus triunfou nos estádios do Basileia, Otelul e Anderlecht.
Read More

D. Kiev 0-2 Benfica: tango no gelo

Foram dois argentino que deram a primeira vitória do Benfica na edição desta temporada da Liga dos Campeões. Salvio e Cervi foram os heróis da noite e carimbaram uma vitória categórica num campo difícil. Vitória essa que só será completa se o tricampeão nacional agora repetir a dose e vencer no Estádio da Luz esta equipa ucraniana daqui a 15 dias.

O Benfica soma agora 4 pontos no Grupo B da Champions, mas continua na 3ª posição, atrás de Nápoles (6 pontos) e Besiktas (5), dado que os turcos foram, nesta 4ª feira, a Itália bater os napolitanos por 3-2; um resultado que baralha por completo este grupo.



Read More

Benfica 5-0 D. Kiev

Isto hoje é que era...
A temporada era a de 1991/92, a do clássico desafio em casa do Arsenal, e na equipa dos encarnados, treinada por Sven-Göran Eriksson desfilavam craques como Schwarz, César Brito, Thern, Veloso, Paulo Sousa, Rui Costa, Isaías ou Vítor Paneira.



Read More

Futebol português

O futebol português vive uma fase irrespirável! Uma fase em que se vê e discute mais as declarações dos presidentes dos clubes e dos respectivos opinadores do que se fala de futebol, de jogadores, de jogadas ou de golos.

Se calhar também é por causa disso que as coisas estão a correr tão mal na UEFA nesta temporada...

A FPF, em vez de ser um fantoche dos interesses dos presidentes dos clubes, deveria fazer da proteção do futebol e da sua magia a principal prioridade. Penas duras para quem se serve do desporto do povo para os seus interesses pessoais e para engordar o próprio ego.


É preciso qualificar, formar e, se for caso disso, penalizar quem vai à TV falar de futebol, é necessário chamar aos palcos futebolísticos as antigas glórias, e devia-se acabar com os direitos exclusivos dos resumos das partidas.
Read More

Este Rúben Semedo não me convence...

Desculpem lá, mas Rúben Semedo é de 0 a 20 um 12. Querem fazer dele uma estrela mas não é! Hoje foi colocado com um dos melhores avançados do momento no planeta futebol e Aubameyang passou por ele como se fosse um poste. Muitas insuficiências e nada em que seja verdadeiramente forte.


Read More

Buscas na Luz por causa dos vouchers

"O Ministério Público - DIAP de Lisboa confirmou esta terça-feira à agência Lusa que foram realizadas buscas na SAD do Benfica, com vista à recolha de provas para um processo que está a dirigir.
"Confirma-se a realização, no âmbito de um processo dirigido pelo Ministério Público - DIAP de Lisboa, de buscas com vista a recolha de prova", disse à Lusa fonte do Ministério Público (MP), acrescentando que as "diligências tiveram lugar no passado dia 11 de outubro".
A confirmação do Ministério Público surgiu horas depois de a agência Lusa ter questionado o organismo sobre a realização de buscas na SAD do Benfica no âmbito das despesas feitas com equipas de arbitragem, denunciadas há mais de um ano pelo presidente do Sporting.
Durante a manhã, o Benfica reiterou o seu empenho no "cabal esclarecimento e célere decisão" do denominado 'caso dos vouchers', espoletado por denúncias e acusações proferidas por Bruno de Carvalho.
Em comunicado, e "na sequência de notícias vindas a público sobre o processo", os tricampeões nacionais de futebol relembram que, após as "insinuações e acusações", feitas a 05 de outubro de 2015, "solicitaram à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que remetesse uma participação às instâncias competentes, visando promover a averiguação da situação referida no mais curto espaço de tempo". 
Num programa televisivo, entre outras acusações, Bruno de Carvalho referiu que o Benfica fazia ofertas de cortesia a equipas de arbitragem em todos os jogos que poderiam atingir um valor global por época a rondar os 250 mil euros.

Contactada pelo jornal Expresso ao início desta terça-feira, a PJ esclareceu que as diligências realizadas na semana passada no Estádio da Luz não se trataram de “buscas policiais”, mas antes de “uma reunião” entre investigadores e responsáveis do clube. Uma fonte oficial garantiu porém que foram realizadas “diligências de recolha de prova” por parte de uma equipa da Unidade de Combate à Corrupção da PJ com o acordo do Benfica. Ainda segundo o Expresso, não foram constituídos arguidos.
A Procuradoria-Geral da República (PGR) remeteu para o Ministério Público competente uma participação da FPF sobre as declarações do presidente do Sporting sobre aliciamentos a árbitros.
A 27 de janeiro deste ano, no âmbito da justiça desportiva, a Comissão de Instrução e Inquéritos (CII) da Liga Portuguesa de Futebol Profissional anunciou o arquivamento do processo decorrente das afirmações do presidente do Sporting sobre as ofertas do Benfica a árbitros." - Record.

Entretanto o Sport Lisboa e Benfica emitiu um comunicado sobre o tema.

Read More

IBM

Temas

2011 2011/12 2012 2012/13 2013 2013/14 2014/15 2015/16 2016/17 2017/18 2ª Divisão A Bola A Magia do Futebol AC Milan Academia Seixal Académica Adeptos Agenda Aguero Aimar Ajax Alemanha Alex Ferguson Alex Sandro Amigável análise tática Andebol Anderson Talisca André Gomes André Silva Andrea Pirlo Angola Aniversário Antevisão António Salvador Anzhi Apagão Apito Dourado arbitragem árbitro Argentina Arouca Arsenal Artur Artur Soares Dias AS Roma Atlético Madrid Atletismo auto-golo Balotelli Barcelona Basquetebol Bayer Leverkusen Bayern Munique Beckenbauer Beira-Mar Belenenses Benfica Benfica B Benfica Campeão Benfica TV Bernardo Sassetti bilhetes Blatter Blogs Blogs Benfica Blogs Futebol Boavista Boca Juniores Bola de Ouro Bolt Borussia Dortmund Bota de Ouro Boxing Day Braga Brasil Brasileirão Bruno Alves Bruno César Bruno de Carvalho Bruno Paixão Buffon Bundesliga C. Ronaldo Calendário Campeão Campeonato Alemão Campeonato Argentino Campeonato Brasileiro Campeonato da Europa Campeonato da Europa 2016 Campeonato do Mundo Campeonato do Mundo de Clubes Campeonato Escocês Campeonato Espanhol Campeonato Holandês Campeonato Italiano Campeonato Maicon Campeonato Nacional campeonatos europeus CAN Canoagem Capdevilla Cardinal Cardozo Carlo Ancelotti Carlos Martins Casagrande Casillas Caso vouchers Cavani Cech Celtic Glasgow Chalana Champions Chelsea Chicotada Ciclismo clássico Coluna Conselho de Arbitragem Conselho de Disciplina contas título contrato Copa do Mundo 2014 Copa dos Libertadores Corinthians corrupção Cosme Damião CR7 Cristiano Ronaldo crónica futebol D. Kiev David Beckham David Luiz Defeso Del Piero derby Derby della Madonnina Desportivo de Chaves Desporto Di Maria Di Matteo Diego Costa Direitos TV Djuricic Domingos Doping Doyen Sports Drogba Éder Ederson El Pibe Eleições Emerson Enke Enzo Pérez Equipa Equipas B Eredivisie escândalo Escutas Espanha Estádio da Luz Estádio de Alvalade Estádio do Jamor Estádio Dragão Estatísticas Estoril Estrelas do Futebol Euro 2004 Euro 2012 Euro 2016 Eusébio Eusébio Cup Everton FA Cup Fábio Coentrão Fair Play Fair Play financeiro Falcao FC Porto FCP Federação Portuguesa Futebol Fédération Internationale de Football Association Fehér Fernando Gomes Fernando Pimenta e Emanuel Silva Fernando Santos Fernando Torres FIFA Final Final Euro 2016 Final Liga dos Campeões Final Liga Europa 2012/13 Final Liga Europa 2013/14 finanças Fintas Flamengo Fluminense Football Leaks FPF França França 2016 Funny Football Fura-Redes Futebol Internacional Futebol Mundial Futebol Nacional Gaitán Galatasaray Garay Gareth Bale Gianni Infantino Giggs Gil Vicente Glorioso SLB Golden Boy Golo de Bicicleta Golo de Calcanhar Golo de Livre golo do ano Golo do Dia Golo Fantasma Gonçalo Guedes Grimaldo Guarda-Redes Guardiola Gyan Hat-Trick História Holanda Hóquei em Patins Hulk Ibrahimovic IFFHS Inferno da Luz Inglaterra Iniesta Inter International Board Itália Jackson Martínez James Rodríguez Jardel Jardel (33) Javi Garcia Jimmy Hagan JJ JO Joaquim Oliveira jogadores Benfica Jogos Olímpicos Johan Cruyff John Terry Jonas Jorge Jesus Jorge Mendes Jorge Sousa Jornal Jornal Record José Gomes José Mourinho José Pratas jovem promessa Júlio César juniores Jupp Heynckes Juventus Kaká Kardec Kelvin Klose Kompany La Liga Lampard Lazio Lázio Lebron James Leicester Leis do Futebol Léo Leonardo Jardim lesões Lewandowski LFV liga Liga BBVA Liga da Verdade Liga dos Campeões Liga Europa Liga Inglesa Liga Nos 2014/15 Liga Nos 2015/16 Liga Nos 2016/17 Liga Nos 2017/18 Liga Orangina Liga Portuguesa Liga Portuguesa Futebol Profissional Liga Zon Sagres Liga Zon Sagres 2012/13 Liga Zon Sagres 2013/14 Ligue 1 Lima Lindelof Lionel Messi Lisandro López Liverpool Ljubomir Fejsa Londres 2012 Lopetegui LPFP Luís Figo Luís Filipe Vieira Luisão Maicon Man. City Man. United Manchester City Manchester United Mantorras Manuel Fernandes Maracanã Maradona Mário Wilson Marítimo Markovic Matic Maxi Maxi Pereira Medalheiro Melgarejo melhor marcador melhores golos 2013 melhores golos 2014 melhores golos 2015 melhores golos 2016 Mercado Mesquita Alves Messi Mexes México Miccoli Michael Jordan Mitroglou Modalidades Moreirense Mourinho Moutinho Mundial 2014 Mundial 2018 Mundial Clubes Museu Cosme Damião Nacional Nani Nápoles NBA Nélson Oliveira Newcastle Neymar Nike nº 10 No Name Boys Nolito novo contrato Nuno Espírito Santo Nuno Gomes O. Lyon Oblak Ola John Olegário Benquerença Olhanense Olheiro Olivedesportos Os três grandes Ozil Paços de Ferreira Pantera Negra Paolo Maldini Parceiros Paulo Bento Paulo Fonseca Pedro Proença Penafiel penalty Pepe Petardos Petit Phelps Ping Pong Pinto da Costa Pizzi PJ Platini Polvo Portugal Portugal Campeão 2016 Postiga pré-época Premier League Prémio Puskas PSG PSV Ramires Raúl González Raúl Meireles Real Madrid Recordes Red Pass Reforços Regulamentos 72 horas Rei Eusébio relatório contas Renato Sanches Ribery Rio Ave Riquelme River Plate Robben Roberto Carlos Rodrigo Rodrigo Mora Rojo Ronaldinho Ronaldinho Gaúcho Ronaldo Ronaldo vs Messi Rooney Rúben Amorim Rui Costa Rui Vitória Rússia SAD Salvio Samaris Saviola SCB Scholes Scolari SCP Selecção Sérgio Conceição Sergio Ramos Serie A Sevilha Shevchenko Simão Sabrosa Sistema SL Benfica SLB Slimani sorteio Sport Lisboa e Benfica Sport tv Sporting Steven Gerrard Suárez sub-20 Suécia Suiça Sulejmani Super Maxi Supertaça Taça da Liga Taça da Liga Inglesa Taça das Confederações Taça das Nações Africanas Taça de Portugal Taça do Rei Tecnologia Golo Ténis Tévez Tondela Toni Top 10 Torneio Toulon Tottenham Totti tragédia futebol Transferências Treino Triplete Twitter U. Leiria UEFA UEFA Champions League União da Madeira Urreta V. Guimarães V. Setúbal Valdés Valência Valentim Loureiro Van Persie vídeo-árbitro Vídeos/Golos Villas-Boas Vitor Baia Vítor Pereira Walcott Wesley Sneijder Witsel Xavi Xistra Zenit S. Petersburgo Zidane