A última vénia a Enzo

Como normal, quando sai um titular e símbolo da equipa, opto por um primeiro post de elogio ao jogador que deixa o Benfica e espero um pouco para começar a disparar. E como este médio argentino merece um elogio!
De Enzo Pérez vou-me sempre lembrar de uma vénia coletiva, no derby com o Sporting, com os benfiquistas todos de pé, Estádio da Luz cheio, a fazer o que tantas vezes se vê nos estádios argentinos mas tão poucas aqui em Portugal. Num jogo de tamanha importância são muito raras as vezes que me lembro de um jogador ser substituído e ter aquela reação do público. Das lágrimas de Amesterdão, se calhar a mais marcante imagem destes 4 anos, não posso dizer muito pois não vi: estava no estádio e os meus olhos ainda tinham mais lágrimas que os do jogador.


Mas voltando à venia: Enzo tinha enchido o campo, tinha, como tantas vezes fazia, aparecido na 2ª parte, quando os adversários já não tinham pernas e ele tinha para dar e vender. Tinha marcado um golo fenomenal, ao ângulo, sentando segundos antes, com uma finta, o adversário, tinha ganho o jogo. Génio!
Enzo era a raça da equipa, era o guerreiro, e como os benfiquistas pediram um jogador destes durante anos. Se alguma vez Enzo chegou ao final do jogo com os calções brancos terá sido um milagre. Atirava-se à bola e atirava-se outra vez, mordia os adversários, corria atrás da bola. Era fantástico a defender. Mas nesta descrição de jogador cabem uns tantos. A diferença é que à capacidade de defender e pressionar juntava-lhe uma enorme técnica, visão de jogo e arte com a bola nos pés. Pausava o desafio quando era preciso e arrancava para o golo quando lhe apetecia. Dava a bola atrás, quando a equipa precisava de respirar, mas também fazia aquele passe meio golo para o avançado festejar.

Tenho pena que o futebol mundial seja assim, percebo que Enzo tenha de pensar no seu futuro e na sua família mas fico triste. De qualquer maneira, o Benfica segue, segue bem vivo, como se provou nestes últimos anos, com outras saídas e outras vendas. Mas deixo um sentido agradecimento e o reconhecimento a alguém que soube vestir e sentir a camisola encarnada, a camisola de Eusébio e Coluna.


Read More

«Quebrámos a hegemonia do FC Porto»

O treinador do Benfica, Jorge Jesus, desdobrou-se em entrevistas nesta semana natalícia. Do que li, destaco a declaração mais importante por ser a mais política:

"O técnico do Benfica, Jorge Jesus, realçou a importância de revalidar o título de campeão para quebrar por completo a hegemonia do FC Porto.

«Não é só um desejo meu. Se perguntarem aos adeptos de Benfica, Sporting ou FC Porto o que querem ganhar mais, responderão: campeonato nacional! Aliás, para todos os presidentes, neste caso falo do Benfica, a prioridade desde que cheguei é ser campeão nacional. As outras competições também são para ganhar, mas o campeonato é prioridade. É um êxito marcante. E no Benfica muito mais. Quando chegámos, o Benfica tinha sido duas vezes campeão em 20 anos, em 1994 e 2005. Era importante quebrar a hegemonia do FC Porto e quebrámos a hegemonia do FC Porto nestes cinco anos. E se este ano vencermos o campeonato, temos a certeza de que quebrámos completamente», afirmou Jorge Jesus, em declarações a A BOLA."
Read More

O essencial do Boxing Day 2014

Foi um Boxing Day com menos magia do que este dia especial do futebol inglês nos tem habituado. Vitórias para os favoritos em quase todos os campos, nenhuma surpresa e jogos decididos muito cedo tiraram alguma piada a esta 18ª jornada da Premier League 2014/15. Para os mais insatisfeitos há mais já no próximo Domingo.

José Mourinho e o seu Chelsea bateram, em casa, o surpreendente West Ham por 2-0 com um show de futebol de ataque e seguram firme a liderança do melhor campeonato do mundo. Um verdadeiro assalto à área do adversário que só não deu em goleada por manifesto azar dos blues. John Terry e Diego Costa assinalaram os golos da partida inaugural deste 26 de Dezembro.


Seguiram-se vitórias dos rivais de Manchester, ambos por 3-1, e do Liverpool sobre o Burnley (0-1). Em Old Trafford grande show de Wayne Rooney com 2 golos e 1 assistência na vitória do United sobre o Newcastle.
Os campeões em título, Manchester City, venceu em casa do WBA com destaque para o 1º golo do ex-FC Porto Fernando com a camisola dos citizens (com um remate acrobático) e para mais um de Yaya Touré e David Silva.

No último jogo da tarde, o Arsenal, sem conseguir atingir a nota artística, venceu o QPR por 2-1 no seu estádio. Destaque para Alexis Sánchez (1 golo, 1 assistência e 1 penalty falhado) num jogo em que a equipa de Arsène Wenger jogou quase todo o 2º tempo com 10 jogadores.

Por fim, deixo a tabela da Liga Inglesa depois desta jornada festiva:

1 - Chelsea                     45 pontos
2 - Manchester City       42 pontos
3 - Manchester United   35 pontos
4 - Southampton            32 pontos
5 - West Ham                 31 pontos
6 - Arsenal                     30 pontos
7 - Tottenham                30 pontos
8 - Swansea                   28 pontos


Read More

Boxing day 2014

Há tradições de Natal para todos os gostos. Na Venezuela vai-se à missa de patins e na Noruega o objectivo é esconder as vassouras na véspera de forma que não apareçam bruxas não convidadas com furtos qualificados. Na Estónia as famílias reúnem-se na sauna e entre japoneses há muitos que levam a tradição para o KFC (Kentucky Fried Chicken) desde os anos 70. Culpa da publicidade.

Em Portugal até pode haver frango, mas não é comida rápida. Por cá fazem--se as coisas com gosto e demoradamente. O bacalhau é a comida de eleição do jantar de 24 de Dezembro e o borrego assume o protagonismo no almoço de 25. E dia 26? Cada vez mais, os portugueses fazem como os japoneses e deixam--se levar pelo que vêem na televisão. Com uma diferença: os asiáticos são seduzidos pela publicidade, os portugueses pelo futebol do melhor campeonato do mundo. Sim, isso mesmo, hoje é dia 26 de Dezembro, hoje é Boxing Day.


É a jornada que todos conhecem. Calhe em que dia da semana calhar, não há equipa que escape à tradição e desta vez a honra de dar o pontapé de saída pertence ao Chelsea de José Mourinho, que recebe o West Ham em Stamford Bridge a partir das 12h45, com transmissão em directo na BTV2. O dérbi londrino não tem concorrência horária mas a partir das 15h00 já não há descanso para ninguém, com oito jogos em simultâneo: Burnley-Liverpool, Crystal Palace-Southampton, Everton-Stoke City, Leicester City-Tottenham, Manchester United-Newcastle (BTV2), Sunderland-Hull City, Swansea City-Aston Villa e WBA-Manchester City.

É a barrigada de futebol perfeita depois de dois dias em que as barrigadas foram de bacalhau, polvo, peru, cabrito, borrego e doces, muitos doces. Como se o mundo acabasse amanhã. Só que neste caso não acaba e o "amanhã" é sinónimo de Boxing Day. Se a tradição começa com um dérbi londrino, perfeito para aliciar famílias inteiras a irem ao futebol, encerra exactamente da mesma forma, com um encontro entre o Arsenal e o QPR às 17h30 (BTV2).

A penúltima jornada de 2014 tem muito em jogo. A equipa de José Mourinho está na liderança, mas já viu o cenário mais facilitado, antes de desperdiçar cinco pontos nas últimas quatro jornadas: empate em Sunderland e derrota em Newcastle. O Manchester City de Manuel Pellegrini aproveitou a deixa e reduziu a diferença para apenas 3 pontos. Numa segunda vaga surgem Manchester United e West Ham. Os primeiros, comandados por Van Gaal, empataram na última jornada depois de uma série de seis vitórias e têm dado outro ânimo aos adeptos, enquanto o West Ham está a fazer uma das melhores temporadas dos últimos anos. Mantê-la assim depois de ir a Stamford Bridge seria uma verdadeira prenda. Atrasada.

Fonte: ionline.pt
Read More

Assim não Benfica!

Para além da fraca exibição parece que o jogo ficou ainda decidido por um lance escandaloso a favor do meu Benfica. Ainda bem que não vi o jogo pois não gosto nada de ganhar assim. A vitória com o FC Porto foi fantástica mas até ao final do campeonato muito ainda vai ser preciso suar. Concentração e profissionalismo por favor.


Read More

Os melhores do Mundo

Todo o planeta rendido a esta equipa do Real Madrid que teve um ano de 2014 excepcional! Aliás, na lendária história do clube de Madrid, nunca havia conquistado 4 títulos num ano: Champions, Copa do Rei, Supertaça Europeia e Campeonato do Mundo de Clubes.
Ontem, na final do Campeonato do Mundo de Clubes, com os argentinos do San Lorenzo, venceu por 2-0 com golos de Sergio Ramos e Bale. Um jogo totalmente controlado pelos espanhóis que somaram ontem a sua 22ª vitória consecutiva em todas as competições (desde 16 de Setembro que os rapazes de Ancelotti só sabem vencer).

Esta é apenas a primeira vez que o clube merengue arrecada o Mundial de Clubes da FIFA. No entanto, o currículo do Real Madrid regista ainda a conquista de 3 Taças Intercontinentais (1960, 1998 e 2002). E no palmarés conjunto das 2 competições, igualou o recorde de triunfos do AC Milan. Ambos têm 4 títulos (três na Intercontinental, um no Mundial). Inter de Milão, São Paulo, Boca Juniors, Peñarol, Nacional de Montevideu e Bayern Munique somam três.

Nota final para a superioridade europeia no actual futebol mundial, pois nas últimas 8 edições desta prova da FIFA o campeão do velho continente venceu por 7.


Read More

Hóquei triunfa no Dragão

Mais uma grande noite do Benfica no antro do Dragão, depois do último Domingo de Natal antecipado para os benfiquistas. Não me esqueço que, depois da tragédia assinalado por um tal de Kelvin, foi esta modalidade que mostrou ao clube SLB que eram possíveis grandes feitos na casa do rival - refiro-me à conquista do título europeu.

Ontem o Benfica venceu por 3-7 o Porto no seu pavilhão em jogo da 11ª jornada do campeonato nacional. Golos: Carlos Nicolia (4), Diogo Rafael(2) e Carlos López. Com esta vitória o Benfica é líder isolado (+3 pontos que FCP).



Read More

São papoilas saltitantes

Adorei esta foto de ontem!



Read More

FC Porto 0-2 SL Benfica: HISTÓRICO

O SL Benfica venceu o FC Porto por 0-2 em jogo da 13ª jornada disputado no Estádio do Dragão. Numa das mais douradas páginas da sua história recente, o campeão nacional conseguiu sair do Dragão como grande favorito a ceptro nacional, com 6 pontos de vantagem, ultrapassar o seu maior adamastor, e, talvez, pintar a hegemonia do futebol nacional com uma nova cor: a vermelha! Foi uma noite de sonho para os benfiquistas, em que tudo correu bem, agora é decisivo saber lidar com esta responsabilidade e perceber que a vantagem é importante mas o título só se vence lá para Abril/Maio. Ainda há 63 pontos em disputa...

Curioso como a história do futebol tem coincidências inacreditáveis... Ontem o herói foi Lima, ele que tantas críticas tem ouvido do 3º anel, com dois golos que gelaram o reino do Dragão. Em 2005 tinha sido Nuno Gomes com 2 golos e uma cabeçada de Bruno Alves. 1991 tinha tido em César Brito o herói com um bis memorável. Ou seja, nos últimos 24 anos o SLB venceu o FC Porto apenas por 3 vezes em sua casa em jogos da Liga, sempre por 0-2, sempre com um bis do seu avançado.


O jogo em si foi todo ele dominado pelo campeão nacional, excepção apenas para os 15 minutos iniciais onde, apesar da iniciativa ser vermelha, o FC Porto conseguiu aproveitar o espaço nas costas da defesa lisboeta e criar perigo na baliza de Júlio César. Os outros 75 minutos são marcantes para Jorge Jesus e os princípios de jogo e identidade que conseguiu criar neste SLB. Numa palavra: MATURIDADE. Sem medos, com confiança e solidariedade e aquela ideia fixa na cabeça, que no passado nunca foi possível criar nas visitas à casa azul e branca: isto é só um jogo e nós somos Benfica, somos melhores! Nenhum caso, com alguma sorte (duas bolas na barra) mas sem margem para dúvidas para escrever que o jogo de ontem só podia ter um resultado. Notável a pressão alta que foi conseguida por toda a equipa de JJ, com 11 operários, sufocando as ideias de um frágil FCP.

Durante o jogo partilhava com os meus amigos esta ideia: o FC Porto deste verão tentou usar uma receita que tantas vezes o adversário tentou ao longo destes longos 30 anos. Comprar estrangeiros em barda, a peso de ouro, ir buscar um treinador estrangeiro e fazer frente a uma equipa já formada. Como tantas vezes falhou em Lisboa, parece também que vai falhar no norte. Não há messias que juntem esses ingredientes todos numa panela de pressão e façam a diferença de imediato, é preciso tempo e quando se tem pela frente uma formação já construída isso é o que não há. Ainda por cima se se vai buscar jogadores que nada sabem sobre a realidade do futebol português. Lopetegui ontem deixou Quaresma o banco, um erro crasso, Maicon também poderia ter trazido algo mais a uma defesa azul e branca completamente à nora, sem raça. Foi sempre aí, no eixo da sua defesa, que o FCP começou a amedrontar o visitante Benfica.

Individualmente, Lima ficará para a história, pois claro, mas gostei muito de André Almeida e Maxi Pereira. Dois verdadeiros campeões. Como ontem Samaris cresceu na consideração dos benfiquistas!
Read More

Dia de clássico

Finalmente chegou! Já há muitas décadas que o dia de clássico entre FC Porto e SL Benfica é o dia mais apaixonante do calendário do futebol português e hoje não foge à regra. Um jogo importantíssimo, sem dúvida, o desta noite. Em caso de vitória do FCP, equipa que jogará como visitada, teremos novo líder e novo favorito ao ceptro nacional. Por outro lado, em caso de empate o Benfica de Jorge Jesus ficará com vantagem interessante (3 pontos), tendo em conta que ainda receberá os dragões na Luz. Se os de Lisboa vencerem a questão do título ficará muito inclinada para um bi-campeonato vermelho que já não acontece desde o princípio da década de 80.


Read More

Era com a camisola dele que eu jogava

Hoje é o aniversário de Javier Saviola, a estrela argentina que brilhou no River Plate, Barcelona e Benfica. Parabéns para este craque que foi um dos meus ídolos de adolescência. Comecei a seguir a carreira do Conejo graças ao Football Manager, onde ele era um puto maravilha que contratava sempre para o Benfica e o tornava no melhor jogador do Mundo. Quando soube que ia para o Barcelona comprei logo a camisola dele (por sorte passei as férias desse ano na Catalunha) e jogava todas as futeboladas no bairro com o nome dele nas costas. Nem podem imaginar a minha alegria quando soube da contratação para o meu SLB! Já veio numa fase da carreira mais descendente, a magia que espalhou em Nou Camp só a vimos a fogachos, mas ainda foi muito dele o título de 2009/10. Aproveitem este vídeo



Read More

Académica 0-2 Benfica

Infelizmente não vi o jogo portanto não vou estar com grandes considerações sobre esta vitória do líder que lhe permite lamber as feridas europeias. Parece que o jogo valeu sobretudo pelo lance do 1º golo que mostrou todo o génio de Gaitán e Enzo. Pena aquele 2º golo, o de Luisão, ter sido em fora de jogo mas este fim de semana foi mesmo péssimo para a arbitragem, com os 3 grandes a serem claramente beneficiados.

Como não vi o jogo e só apanhei os rescaldos da partida na TV e jornais fico com toda a impressão que o campeão nacional deste ano será encontrado pela nota artística que os 18 clubes vão mostrar nos relvados e não pelo número total de pontos. Não houve um comentador que não dissesse mais uma vitória cinzenta do SLB, etc etc...
Meus amigos, se os encarnados vencerem os seus jogos todos até Maio por 1-0, a não jogar nada, haverá festa de arromba para os lados da Luz. O Benfica é líder, vinha de uma viagem e jogo complicados na Rússia e venceu um adversário tradicionalmente difícil. Cansado destes novos românticos do futebol que acham que se fazem campeões a jogar com muitos rodriguinhos.


Read More

Tributo a um dos meus jogadores favoritos

Faz hoje 16 anos que Steven Gerrard vestiu pela primeira vez a camisola da equipa principal do Liverpool num jogo oficial. Foi a 29 de Novembro de 1998 num jogo dos reds em casa com o Blackburn Rovers que o menino de 18 anos entrou como substituto já no final da partida. Desde aí são 685 jogos oficiais, 176 golos e 9 títulos. Lenda do Liverpool, médio de classe mundial e símbolo de lealdade a um clube neste novo futebol em que o normal é os jogadores servirem vários emblemas nas suas carreiras. Para sempre ficará este golo no último título europeu do Liverpool F.C, tento que iniciou uma das reviravoltas mais épicas do desporto rei.




Read More

Prós e contras do descalabro europeu

Já mais a frio de outra demonstração da fraca preparação do Benfica e de Jorge Jesus para a alta roda do futebol europeu escrevo alguns aspectos positivos e negativos da eliminação em Novembro das provas europeias:

Prós:
  • Concentração total na revalidação dos títulos nacionais. Lembro que há 3 anos a vantagem pontual que o SLB tinha face ao FCP de Vítor Pereira esfumou-se toda nas semanas vizinhas com os oitavos de final da Liga dos Campeões.
  • A última jornada desta fase de grupos da Champions (Dezembro) cola com a ida ao Estádio Dragão para a 1ª Liga. Já se sabia que o FC Porto estava apurado e em 1º lugar portanto poderia descansar as pernas para o clássico. Assim, o Benfica não ficará em desvantagem no aspecto físico.
Contras:
  • Nunca o Benfica tinha ficado em último lugar numa fase de grupos da Liga dos Campeões. Negro! E entrando neste grupo como cabeça de série.
  • Questão financeira: os problemas no tesouro da Luz são evidentes para todos desde este último mercado de Verão. Agora, sem uma das principais fontes de receitas dos grandes clubes, o medo dos adeptos encarnados é que em Janeiro tenha de ser vendido mais um titular.
  • Quebra num ciclo da águia que a colocou ao lado dos gigantes europeus. Esta coisa da UEFA tem muito a ver com o famoso estofo. As equipas mais experientes à alta roda conseguem ter um extra de confiança e conhecimento que lhe permitem manter o alto rendimento nos jogos europeus. Vitórias geram vitórias!
  • O ranking da UEFA (começou a temporada no top 5 do continente) também vai sofrer.
  • No post de ontem já falei da enervante repetição do erro táctico do treinador Jorge Jesus na Liga dos Campeões (AQUI).
  • Desculpem lá mas isto tudo custa-me ainda mais pois voltámos a ajoelhar face a Villas Boas e Hulk...


Read More

Jorge Jesus volta ao mesmo erro de sempre

O Benfica está fora da Liga dos Campeões pelo 3º ano consecutivo e mais uma vez Jorge Jesus mostra total incapacidade de competitividade ao mais alto nível europeu. Teimou, teima e vai continuar a teimar. Está mais do que visto que perde num 4-4-2 na Champions mas não há maneira de tirar essa ideia táctica da cabeça. Hoje a equipa fez uma primeira parte calma e tranquila, sem grandes emoções - o normal num jogo fora a eliminar. Depois do intervalo surgiu por cima, dominadora e capaz mas o treinador encarnado mudou tudo do aceso. Tirou Talisca e colocou Derley ao lado de Lima. Mudou a táctica e de imediato o Zenit, de Villas Boas, virou o jogo e colocou o campeão nacional fora da maior prova de clubes do planeta. É que se tivesse de ganhar o jogo... Mas não, o empate até interessava!

Enervante!


Read More

Obra prima de Nani corre mundo inteiro

A noite deveria ter sido toda de Lionel Messi que com um hat-trick no Chipre ultrapassou Raúl no topo da lista de melhores marcadores de sempre da Liga dos Campeões. Mas foi o português Nani, jogador do Sporting, que virou a estrela da jornada com um golo espectacular que fez levantar de alegria o Estádio de Alvalade.



Read More

Pinto da Costa: «SLB e FCP têm dado exemplo»

Mais um prego no coração de muitos benfiquistas... O casamento do ano continua a dar que falar. Só Luís Filipe Vieira não explica o que realmente se está a passar.

"O líder dos azuis e brancos enalteceu o esforço e diálogo que tem existido em relação aos casos da Liga de Clubes, ele que admitiu ainda participar no processo de litígio entre o Sporting e a Doyen.

Sobre os temas que rodeiam a Liga de Clubes, o dirigente criticou a posição leonina e enalteceu o esforço feito por si e por Luís Filipe Vieira para solucionar os problemas pendentes.

O presidente do Porto e o do Benfica têm dado um exemplo de que quando é necessário trabalhar, dialogar, discutir e chegar a um consenso são capazes. O Sporting nunca o vi, não apareceu mesmo na reunião entre todos. Nem estiveram de acordo nem de desacordo, estiveram sempre calados". 


Fonte: zerozero.pt
Read More

Unidos? Com Pinto da Costa nunca!

Quando hoje me passou pelos olhos a capa do jornal ABola terei sido mais um dos milhões de portugueses que ficou surpreendido. Desde logo o meu pensamento seguiu para ideias como: "parvoíce", "jornalismo sensacionalista", "isto é até ao próximo caso de arbitragem"...
Ao final da tarde comprei mesmo o jornal (os malandros d' Abola conseguiram mexer com a minha cabeça) e o que li deixou-me pensativo pois a notícia tem um bocado mais de sumo do que eu estava à espera.

Ponto principal: como sócio do Benfica não tenho nada contra alianças com o FC Porto, não tenho nada em especial contra o clube, para além do facto de ter ganho mais vezes que o meu SLB nos meus anos de vida. Agora, contra as pessoas que chefiam aquela instituição, tenho total e absoluto nojo e só quando Pinto da Costa sair do FCP penso ser possível falar em alianças com o meu Benfica. O que já parece uma miragem para alguns foi o meio em que cresci e aprendi a gostar de futebol. Demasiados jogos, demasiados casos, demasiado roubo para que agora que as coisas estão sanitariamente aceitáveis se possa esquecer, Luís Filipe Vieira, como Presidente do Benfica, tem a obrigação de nunca deixar esquecer o que se passou com Pinto da Costa a liderar o futebol português.
A situação na Liga Portuguesa é grave, estamos fartos de ouvir, agora a rectidão de princípios vê-se sobretudo nos momentos difíceis.

Mais, a notícia do jornal dava como certo que o Presidente do SLB tinha garantido 5% do total das vendas de jogadores ou das receitas da TV para o caso de a sobrevivência da Liga ser colocada em causa. Isto depois de o ouvir jurar os sócios encarnados que tinha de vender metade da equipa que conquistou o triplete pois os cofres estavam vazios. Agora vamos injectar dinheiro na Liga? Nos clubes em maiores dificuldades financeiras? Vamos entrar em estratégias para garantir o bem estar dos cofres encarnados e, ao mesmo tempo, azuis? Quando o FC Porto andou a esbanjar dinheiro para nos tirar o bi-campeonato? Vamos agora facilitar a vida e validar o investimento do Dragão?

A cisão com a Torre das Antas liderada por Pinto da Costa faz já parte do ADN do Sport Lisboa e Benfica, uma mudança neste traço de identidade terá sempre de ser discutida com os sócios e aprovada pelos próprios. Já ouvi muitos benfiquistas dizerem que isto vai passar rápido, pois um dos dois vai ser campeão e o outro vai ter que rasgar o acordo para sobreviver. Um pensamento perigoso, pois agora é que é a altura das decisões e de lançar as bases para novas parcerias, patrocínios e investidores.

São demasiadas perguntas para tanto silêncio da sala presidencial da Luz. Impõe-se um entrevista para explicar o que foi feito e qual é o futuro desta união.

Read More

3 grandes gastaram 45 M€ em emprestados

Os jogadores emprestados pelo Benfica, FC Porto e Sporting custaram aos três grandes 45 milhões de euros. As contas foram feitas pelo Jornal de Notícias.

O Benfica gastou quase 23 milhões de euros em jogadores que agora estão cedidos, o FC Porto quase 13 milhões e o Sporting um pouco menos de 10 milhões.
Por exemplo, Sidnei custou 7 milhões ao Benfica e joga no Corunha, O FC Porto pagou 3,8 milhões por Ghilas que está no Córdoba, O Sporting investiu 4 milhões no argentino Viola que está agora emprestado a um clube turco.


Read More

E tu? És sócio do maior clube do Mundo?

Uma resposta rápida, em jeito de campanha, à azia alemã do Bayern de Munique que colocou em causa o nº de sócios do Sport Lisboa e Benfica. Gostei, sim senhor. Não percam o vídeo neste link - 

https://www.facebook.com/video.php?v=10154837838410716



Read More

Portugal 1-0 Argentina: mais um final feliz

A Selecção A de Portugal venceu a Argentina por 1-0, num jogo amigável realizado em Old Trafford. Foi apenas a 2ª vitória da Selecção de todos nós sobre a bi-campeã mundial em mais uma vitória da era Fernando Santos alcançada nos descontos da partida. Pelo menos estrelinha, o homem tem!


Esta partida prometia muito, tínhamos os melhores jogadores do Mundo em campo, mas na verdade foi de um desinteresse total salvando-se pela emoção final e pelo golo de Raphael Guerreiro. Argentina entrou fortíssima, com Portugal aos papéis, mas não marcou e a equipa das quinas soube reagir e sair das cordas a que estava encostada.
2ª parte sem Ronaldo e Messi (substituídos) e sem qualquer tipo de futebol espectáculo e magia. Aos 91', Adrien teve espaço no meio campo mas rematou fraco e contra o colega Éder, valeu que Quaresma foi o único que acreditou que a bola ainda estava viva depois do ressalto e, já na linha de fundo, cruzou com conta, peso e medida para a cabeça do jovem Raphael Guerreiro festejar.

Nesta fase da Seleção Nacional, em que muito ainda está a ser construído e mudado, o mais importante era ir ganhando, nem que seja por 1-0... Esta já é a 3ª vitória consecutiva pela margem mínima. As 3 com assistências de Ricardo Quaresma.


Read More

Messi x Ronaldo pois claro

Já cansa um bocado mas não se fala de outra coisa no dia de hoje no Planeta Futebol e eu não vou fugir à regra... Mais um duelo entre melhores do mundo numa das maiores rivalidades na história do desporto. Esta noite, em Old Trafford, as superestrelas jogam um amigável de Seleções com as respectivas camisolas de Portugal e Argentina.


39 títulos estarão em campo, esta noite, em Manchester. Somando os 16 conquistados por Cristiano Ronaldo e os 23 de Lionel Messi. São os dois mais valiosos jogadores do Mundo, os que protagonizam a eterna questão do Melhor do Mundo e que voltam hoje a defrontar-se, no segundo confronto entre os dois pelas respectivas seleções.

Nos anteriores 26 jogos entre estas lendas temos: na Liga BBVA 11 jogos, Ronaldo venceu 3, Messi 6. Na Liga dos Campeões os confrontos foram 5: 1 triunfo do português, 2 do argentino. O mesmo acontece na Supertaça de Espanha: 4 jogos entre os dois, 1 vitória de CR, 2 de Leo. Só a Taça do Rei pesa a favor do internacional português: em 5 jogos realizados, Ronaldo venceu 2 e Messi 1. Messi também levou a melhor no anterior amigável entre Portugal e Argentina.

No que diz respeito aos golos marcados nos 26 confrontos já realizados entre os dois, Ronaldo apontou 15, Messi 17.


Fonte: zerozero.pt
Read More

Cristiano Ronaldo x 450

Para além dos 3 importantes pontos o golo de CR7 na última 6ª feira foi o golo 450 da sua carreira. Número impressionante analisado no seguinte grafismo:


Read More

Neste dia há 11 anos...

...Lionel Messi vestiu pela primeira vez a camisola blaugrana, na inauguração do Estádio do Dragão no Porto. O resto é história!


Read More

FPF coloca nome de Portugal na lama

Desde que comecei a escrever este blog já adjectivei várias situações que se passaram no futebol de vergonhosos. Mas não me lembro de uma situação tão grave e nojenta como a que a FPF protagonizou na recepção à Arménia. Isto é de tal maneira grave e inaceitável que não pode passar em branco. Alguém terá de pagar a factura...

"Tenho grande respeito por Portugal mas a estratégia de provocação foi a vergonha. Fomos treinar num campo onde era impossível treinar. Na quarta-feira não nos deixaram treinar no campo perto do hotel porque disseram que Portugal ia treinar aí. Mas Portugal veio treinar no Estádio do Algarve. Hoje fizemos 40 minutos do hotel para o estádio, passando po uma vila sem estradas, num percurso que dantes tínhamos feito em menos de 20 minutos. O motorista não sabia o caminho. É impossível ele não saber o caminho para o estádio. Impossível também a polícia que nos acompanhou não saber o caminho para o estádio. Estou desapontado com a estratégia de provocação por parte de Portugal. Em campo são uma boa equipa mas faltou-lhes classe na organização", acusou Challandes.


Read More

Veja os nomeados para melhor golo do ano

A FIFA já divulgou a lista dos 10 nomeados para melhor golo do ano - Prémio Puskas 2014. Os fãs do futebol poderão votar online, no FIFA.com (AQUI), para escolher qual será o grande vencedor.




Read More

Talisca: "Este é só o começo"

O criativo do Benfica, que foi chamado à seleção brasileira para a vaga deixada em aberto com a lesão de Lucas Moura, admitiu a surpresa por ter sido convocado e preferiu não elevar demasiado a fasquia atual.

«Estou a começar no futebol, ainda tenho muito para evoluir. Este é só o começo. As coisas estão a acontecer muito rápido, mas não tenho pressa, vou conquistando o meu espaço aos poucos», disse aos jornalistas.

Admitindo estar «a concretizar um sonho», o número 30 das águias disse estar «pronto para ajudar» onde for preciso, vincando ser «indiferente» a posição que Dunga tem pensada para si.

Talisca explicou ainda a origem do seu nome: «Quando comecei a treinar nas camadas jovens do Bahia, eu era magrinho e, ao correr, o meião caía. E taliscas são aqueles bambus para fazer pipas. Ficou esse nome».

Fonte: zerozero.pt
Read More

Vamos falar de arbitragem

Com um Domingo cheio de jogos de alta dificuldade para os 3 grandes já se sabia que a ressaca na 2ª feira iria ser cruel para os homens do apito. Eu percebo que as expectativas que os leões de Alvalade tinham para este campeonato estejam a ser defraudadas, as boas exibições na Champions e na taça de Portugal não têm tido correspondência no campeonato, onde o Sporting só venceu 4 dos 10 jogos até agora realizados. Agora, as leis do futebol são claras e fico espantado com a quantidade de opinadores, jornais, rádios e programas de TV que entram nesta desculpabilização generalizada. 

O "golo", que seria o 2º de Montero, foi bem anulado. Não há volta a dar. Eu percebo, que o lance é tão estúpido que nem dá para acreditar. A culpa sim é toda de Slimani que claramente se faz ao lance, chega mesmo a tocar no colega de equipa, partindo de posição ilegal. Se alguém me conseguir explicar como é que o argelino não intervém no lance ficaria eternamente grato. É claro que corre para a bola e que assim baralha o GR que não sabe qual dos dois vai rematar. "Não tem ação directa no lance"... Então não é diferente o GR ver 2 atletas a correr para a bola do que 1? Clarinho como água. São tantas as opiniões contrárias a mim que fico a pensar se a lei do futebol mudou. O que os sportinguistas defendem só ouvi falar para quando um jogador está do outro lado do campo ou não se faz ao lance.


Assim, como é claro para mim, que o que se passa é que os leões do ano passado não tinham jogos a meio da semana e não houve um acréscimo de qualidade no plantel que permite dar luta nestas duas frentes. Até ao momento, nos 8 jogos realizados na vizinhança de um jogo da Liga dos Campeões o Sporting só conseguiu vencer em 4 deles.

Sem problemas em dizer que aquele fora de jogo que anula um contra ataque muito perigoso ao Nacional beneficiou o Benfica e que a tentativa de branqueamento que anda a circular nas redes sociais que o lance tem falta do jogador da equipa da Madeira porque coloca o pé em riste é ridícula. O árbitro assistente marca fora de jogo e isso não aconteceu. Errou.

Já mais difícil de interpretar é o 2º golo do Benfica mas parece-me que Jonas está em linha com o último defesa do Nacional. De qualquer maneira, os assistentes têm instruções para em caso de dúvida beneficiar o ataque e portanto penso que se pode falar de um golo legal.
Read More

Nacional 1-2 Benfica: reviravolta na Choupana

O Benfica venceu na Madeira o Nacional por 2-1 e vai continuar líder do campeonato nacional pelo menos mais duas semanas. Num jogo em que os 3 golos foram marcados na 1ª parte fica o registo para a capacidade que o campeão mostrou em dar a volta ao marcador, começando a perder o desafio logo aos 2 minutos de jogo.
No final, muitas queixas da arbitragem da parte da equipa da casa, pois o árbitro anulou mal um lance perigoso por fora de jogo, com o avançado do Nacional a colocar a bola no fundo das redes já depois do apito de Bruno Paixão.


Bela 1ª parte de futebol com as equipas a mostrarem bom futebol, vontade de atacar e de dar espectáculo. Para isso, muito terá contribuído o golo a frio que Edgar Abreu conseguiu marcar num remate forte e colocado logo no 2º minuto.
Forte também a reacção do campeão que logo passado 6 minutos empatou por Salvio, numa cabeçada na resposta a cruzamento de Gaitán. E o empate só durou mesmo 10 minutos pois Jonas aproveitou a confusão no seguimento de uma canto e colocou os lisboetas em vantagem. Antes do intervalo ainda houve tempo para a melhor oportunidade de golo de todo o jogo quando Salvio teve na cabeça o 1-3 e falhou incrivelmente.

2ª parte muito complicada para o Benfica, claro o cansaço do jogo da Champions a meio da semana e a qualidade da equipa de Manuel Machado, mas os 3 pontos vieram mesmo na bagagem dos encarnados e ao fim de 10 jornadas o campeão segue na liderança isolada da Liga 2014/15. Quem diria... Eu não!

Homem do jogo: Salvio, gostei de ver o argentino marcar e a jogar a bom nível. Boa resposta depois de alguns jogos complicados para o extremo direito. Samaris voltou a entrar muito mal...
Read More

Domingo de alto risco

Vai ser um dia em que os 3 grandes vão ter de puxar de todos os seus galões para somarem 3 pontos. Jogos tradicionalmente muito complicados, que a juntar ao desgaste das competições europeias, têm grandes níveis de imprevisibilidade.

O líder Benfica vai à Madeira para defrontar o Nacional de Manuel Machado. O FC Porto vai a linha para defrontar o Estoril de José Couceiro e o Sporting recebe o Paços de Ferreira de Paulo Fonseca, que até começa a jornada à frente dos leões na classificação. Uma bela maneira de chegarmos à 10ª jornada da Liga Portuguesa!



Read More

Benfica 1-0 Monaco: adivinham quem?

Anderson Talisca pois claro! O Brasileiro está numa forma estratosférica e ontem marcou o golo que valeu 500 mil € e 3 preciosos pontos que mantêm o Benfica na luta por um lugar nos 8os de final da Liga dos Campeões. Agora, o Benfica está proibido de perder na Rússia (será eliminado) mas até um empate com o Zenit pode chegar para estar nos melhores 16 da Europa.


O jogo de ontem foi, como têm sido todos neste grupo, muito equilibrado, com fases de domínio de uma equipa e outras com a resposta do adversário. Não me lembro de um grupo de Champions em que as 4 equipas estão num patamar tão semelhante.

As águias entraram fortes no jogo, com boa dinâmica, com oportunidades de golo e com um meio campo forte e criativo. Nesta fase, Salvio falhou um golo na cara do GR adversário. O jogo acalmou, muito pela qualidade que o Monaco tem no seu meio campo, com jogadores capazes de pautar o jogo ao ritmo que a sua equipa pretende, e só no último minuto da etapa inicial Gaitán esteve muito perto de abrir o marcador.

A 2ª parte teve mais Monaco e um Benfica com menor intensidade e capacidade física. Aí, apareceu um gigante na baliza do campeão nacional: Júlio César fechou as redes e mostrou uma categoria fora do normal. Os jogadores de Jorge Jesus sabiam da importância do jogo e, apesar do adversário estar melhor, na etapa final do jogo, fizeram das tripas coração e galvanizados pelo apoio do Estádio da Luz cresceram no jogo e chegaram ao golo. Canto de Gaitán, desvio ao 1º poste de Derley e Talisca no sítio certo, fuzilou Subasic. Que frieza tem este craque na frente do golo!

Homem do jogo: Talisca, já nem há palavras para este jovem brasileiro! Gostei de Derley, não é nenhum craque mas tudo o que tem deixou em campo, lutou até não poder mais e sai com uma assistência na maior prova de clubes do planeta. Salvio está numa fase de pouca confiança e em que tudo lhe corre mal no ataque mas ontem foi importante a defender e fartou-se de correr no flanco direito.

Read More

Benfica: terminar o jejum na Europa

O Benfica joga hoje uma partida decisiva na Liga dos Campeões 2014/15: uma verdadeira Final! Com apenas 1 ponto na classificação depois da primeira volta o SLB terá de vencer esta noite, no Estádio da Luz, o Monaco para continuar a sonhar com a presença nas provas da UEFA. Mas uma eventual vitória frente à equipa orientada por Leonardo Jardim não garante, no entanto, uma subida imediata aos lugares de acesso aos 8os de final. Nesta altura, o Benfica é último classificado com 1 ponto, menos 3 que o Zenit, 3.º classificado que vai medir forças em casa com o B. Leverkusen, que é líder com 6 pontos. Por seu lado, o Monaco está na 2.ª posição com 5 pontos.

Altura também de voltar a vencer na Europa, os comandados de Jorge Jesus vão numa seca de vitórias que dura desde a última temporada: a 24 de abril, um golo de Lima, a seis minutos do final, deu ao Benfica uma vitória tangencial sobre a Juventus (2-1), na 1ª mão da meia-final da Liga Europa. Com o clima de festa reforçado pelo empate de Turim e a passagem à final, uma semana depois, poucos poderiam prever que, seis meses depois, os adeptos encarnados continuariam à espera de um novo triunfo na Europa. 

Desde o triunfo encarnado sobre a vecchia signora, seguiram-se cinco jogos nas competições da UEFA: dois nulos de sabor antagónico nas decisões da Liga Europa, com Juventus e Sevilha. Depois, duas derrotas contundentes na Liga dos Campeões (Zenit na Luz, 0-2 e Leverkusen na Alemanha, 1-3) e novamente um empate sem golos, e com pouco sal, no Principado, há duas semanas.
Em todo o historial do Benfica na Europa, só uma vez se registou algo pior: os oito jogos sem ganhar entre Novembro de 1999 e Setembro de 2003.

Sem o central Lisandro López (castigado), Jardel deve voltar a fazer companhia a Luisão na defesa; Ola John, Fejsa, Eliseu e Rúben Amorim estão ainda a contas com lesões antigas. Do lado do visitante francês, Berbatov, a referência no ataque desta formação, nem viajou para Portugal. Algo que até pode jogar a favor do Mónaco, pois a lentidão do búlgaro só iria atrapalhar nesta partida.
Curiosidade para o regresso de Bernardo Silva ao Estádio que o viu nascer para o futebol e de mais uma visita de Leonardo Jardim à Catedral encarnada, onde nunca venceu.

Finalmente, deixar uma nota para os rapazes dos petardos: deixem essa merda em casa porque a UEFA não vai facilitar novamente! Já chega de prejudicar o Benfica!
Read More

Boas notícias para Jorge Jesus

Parece que Fejsa ainda conta para o totobola:

«Os primeiros 15 minutos do treino desta manhã foram abertos à Comunicação Social, tempo suficiente para perceber que Jardel está de regresso ao trabalho sem limitações. O brasileiro deverá ser titular no eixo da defesa na receção ao Mónaco, ocupando a vaga de Lisandro Lopez, expulso no jogo que teve lugar no Principado.

Também Fejsa caminha a passos largos para voltar a ser opção para Jorge Jesus. Operado em Maio, o sérvio treinou esta manhã com bola. Ola John, a contas com uma lesão muscular, limitou-se a fazer corrida na companhia de Rúben Amorim.» in OJogo.pt.
Read More

Grande Vitória!


Um jogo memorável do Vitória de Guimarães que abateu com estrondo um leão que agora ficou com muitas feridas para lamber na 1ª Liga. Os minhotos prolongaram o melhor início de temporada da sua história e continuam num lugar de pódio à 9.ª jornada. Frente a um dos crónicos candidatos ao título, os vimaranenses mostraram que são uma equipa para levar a sério nesta temporada (3-0). Ontem a exibição do Vitória de rui Vitória foi perfeita e quem poderá agora dizer que não são candidatos a um lugar de acesso à Champions? 



O Sporting mostrou a sua pior cara e será também preciso pensar que a equipa de Marco Silva não é agora a pior do mundo quando ainda há uma semana lhe choviam elogios. Foi um mau dia do meio campo dos lisboetas mas o grande problema, aquele que impede que em Maio haja festa em Alvalade, é o sector defensivo que é de qualidade mediana. Aliás, a média de 1 golo sofrido por jogo que a classificação mostra neste momento é incompatível com um campeão. Com 9 jogos o SCP só venceu 4 partidas nesta edição do campeonato.
Read More

Benfica 1-0 Rio Ave: Talisca fulminante

O Benfica venceu o Rio Ave por 1-0 na 9ª Jornada e vai continuar líder da Liga 2014/15. No Estádio da Luz a exibição voltou a não ter nota artística mas foi eficaz e valeu por mais uma obra de arte de Anderson Talisca, a grande figura de todo o campeonato até ao momento, que resolveu a partida num pontapé cheio de magia, técnica e arte. Já são 8 golos e 9 partidas e quatro jornadas consecutivas a marcar.


Jorge Jesus não contou com Eliseu nem Gaitán e por isso teve de mexer na equipa e na estratégia da partida. O treinador encarnado teve de encostar Talisca à linha e chamou André Almeida para o lado esquerdo da defesa, com Samaris e Enzo no meio campo do campeão nacional. Sejamos directos, esta fórmula não resultou e removendo Talisca do meio e não tendo os raids de Eliseu perdeu muito do que tem sido bom no SLB nos jogos em sua casa. Na etapa inicial, tirando um remate de Lima logo a abrir, só de bola parada e em remates de fora da área os lisboetas conseguiram ameaçar o GR visitante.

Mudou na 2ª parte com a entrada de Nico Gaitán e com Talisca na posição central com Enzo a descer para 6. Correu bem, apesar das minhas dúvidas inicias na aposta em Enzo a trinco. Aos 60 minutos chegou então o grande golo do internacional jovem pelo Brasil que fez a Luz explodir de alegria. São agora uns impressionantes 83 jogos consecutivos em que o Benfica marca pelo menos um golo no seu Estádio em jogos da 1ª Liga.

O Rio Ave foi um digno oponente, fez pela vida e mostrou que tem equipa para pontuar em qualquer estádio português. Agora, eu fui ao Estádio e sai de lá com toda a certeza que o golo anulado tinha sido um erro da equipa de arbitragem tal foram os protestos dos de Vila de Conde. Qual é o meu espanto quando chego a casa e vejo que tinha sido bem anulado... Sinceramente, não atingi...

Homem do Jogo: Talisca, pois claro, ele que já pagou os 4 M€ que Vieira investiu nele. Gostei muito de Lisandro, Júlio César e Jonas. Menos bem estiveram André Almeida e Samaris, que continua com inesperadas dificuldades.
Read More

Jorge Jesus vai mexer

Algumas dúvidas sobre o onze que Jorge Jesus vai apresentar no jogo de hoje contra o Rio Ave, no regresso do campeonato nacional ao Estádio da Luz. As interrogações do treinador encarnado deverão ser na frente de ataque e no meio campo. Se lançar uma frente de ataque com Jonas e Lima não poderá haver muitas caras surpreendidas pois JJ sempre apostou em dois avançados puros na maior parte dos jogos em casa. Nenhuma revolução portanto... Se essa for a opção, Talisca e Enzo Pérez formarão o meio campo dos campeões nacionais, com o argentino a recuar para a posição 6.

Confesso que para o jogo de hoje poderá ser uma solução mas amarrar Enzo a trinco não é uma ideia que me encha a alma na esmagadora maioria dos jogos do SLB. O nº 35 precisa de espaço à sua frente, tantas vitórias que ele começou a construir nestas temporadas quando ganhou bolas ao adversário e lançando transições rápidas mortíferas. Esta capacidade, mais evidente nos segundos 45 minutos, é essencial para a melhor fase tática deste Benfica e não deve ser abandonada porque o argentino está num mau momento de forma. Enzo ainda é jovem, muito longe do final da carreira, portanto é bem capaz de voltar aos altos níveis físicos que nos habituou. Como trinco terá muito menos liberdade para ser a fera que apaixonou o 3º anel.

Por que não sentar Lima no banco e avançar com Talisca e Jonas no ataque e Samaris e Enzo no meio campo?


Read More

Oficial! Já vi de tudo no futebol português

Quase que me tiveram de colar o queixo de novo ao sítio certo! É que ele caiu quando ouvi Pinto da Costa a dizer o nome do Benfica e a proferir esta frase impensável: «Foi um nome (Luís Duque) que não foi proposto nem pelo FC Porto nem pelo Benfica, mas que aceitámos, porque estava dentro do perfil que idealizámos.»

SLB e FCP juntos no mesmo ideal?! Com Vieira e Pinto da Costa como Presidentes?! O que é que é isso oh meu?!?! Nem sei bem o que pensar disto. Algo de muito estranho se passa nos bastidores do futebol português...

Com um pouco mais de oxigénio no sistema lembrei-me de uma frase de Marinho Neves que li faz pouco tempo: "A história tem 30 anos, mas ninguém aprende: O FC Porto nunca ganhou um campeonato com Pinto da Costa zangado com o presidente do Benfica e Sporting ao mesmo tempo."


Read More

O mais preocupante para o Benfica

Infelizmente, perder pontos na Pedreira já se tornou uma daquelas maldições do Benfica, portanto nem estava muito confiante para o jogo de ontem. O que mais me preocupou é a má forma de Lima e a clara falta de opções para a frente de ataque da equipa de Jorge Jesus. Lima não dá uma para a caixa, perde bolas e já há uns meses que perdeu a frieza na cara do golo. Jonas é bom jogador mas desculpem o homem não aguenta 30 minutos de futebol de alta competição, pelo menos por enquanto. Derley não é jogador para marcar mais de 10 golos por temporada num clube como o Benfica. Nélson Oliveira nem entra nas contas de Jorge Jesus. Salvio faz um golo em 10 oportunidades flagrantes.

É preciso arranjar soluções pois Talisca não chega...


Read More

Campeões!

Que grande feito! Portugal é campeão europeu de Ping Pong ao derrotar, em pleno Pavilhão Atlântico, a poderosa Alemanha por 3 jogos a 1. Estão de parabéns Marcos Freitas, Tiago Apolónia e João Monteiro e todos os responsáveis da Federação do Ténis de Mesa nacional.


Read More

Sporting 1-1 FC Porto

Foi um clássico interessante e entretido mas em que confirmámos o que já sabíamos sobre estas equipas: a equipa do Sporting, fiel ao espírito do seu Presidente, cheia de garra e querer e com uma bela capacidade de sofrer mas com grandes problemas de qualidade em sectores fundamentais do campo e no seu banco. Por isso, apesar de combater de igual para igual com os seus eternos rivais, raramente consegue vencer. 
O FC Porto ainda à procura de uma equipa no meio de tanta e tão grande qualidade que este plantel oferece a Lopetegui. Devido a esse investimento, Pinto da Costa deverá estar pensativo depois do terceiro empate seguido dos dragões no campeonato nacional.


Durante as antevisões a este clássico, os jornalistas, deram grande evidência ao FCP ir visitar o estádio em que piores resultados consegue nos últimos anos de campeonato. E, de facto, o dragão entrou muito mal... Mérito do Sporting que criou um autêntico assalto à área do rival durante a 1ª parte. Para isto também contribuiu o golo inaugural que aconteceu na primeira ida dos leões à baliza de Fabiano, depois de uma arrancada de Nani e do cabeceamento vitorioso de Jonathan Silva. Ninguém falou disto mas Danilo, na linha do golo, ao tocar a bola com a mão de forma deliberada, deveria ter visto o cartão vermelho. Não interessa para nada se a bola entrou ou não, a conduta antidesportiva do defesa azul e branco deverá sempre ser penalizada.

Mas o Sporting só desferiu este golpe nos dragões e ao não conseguir matar o jogo na etapa inicial colocou-se a jeito da resposta do FC Porto na 2ª parte. Os visitantes já mostravam melhorias quando Danilo ganhou o seu flanco e cruzou para um desvio infeliz do defesa do Sporting, Sarr, que enganou Rui Patrício (56'). Até ao apito final as equipas equilibraram-se e o golo poderia ter surgido em ambas as áreas, destaco o remate espectacular de Capel que quase partiu o ferro da baliza adversária.

Gostei do jogo de Nani e de Carillo no lado do Sporting e de Herrera do lado do FC Porto. Parece evidente é que Quaresma já não tem lugar no onze do FCP e que esta dupla de centrais do Sporting é ponto fraco da equipa de Marco Silva.

Agora, dragões e leões esperam uma escorregadela do Benfica na tarde de Sábado para não verem o líder ganhar uma vantagem maior no topo da tabela desta Liga. Se o campeão passar em casa do Estoril será o grande vencedor deste clássico.
Read More

Culpados!

Quem cala consente não é? Só para lembrar os mais esquecidos... Não conheço ninguém que não recorra de uma decisão do tribunal se não achar que a pena é justa para o que fez. Este comunicado é assim uma óbvia admissão de culpa do FCP. Uma mancha irremovível na história do FC Porto.



Read More

4 dias, 2 jogos, 7 golos!!!!!!

Um fenómeno! Não deu tréguas nestes dois últimos jogos da Liga espanhola. Com a mítica camisola branca do Real Madrid, Cristiano Ronaldo, na sua 6ª época, tem 264 golos em 254 jogos!



Read More

Outros tempos vs Vitória Setúbal

Hoje, 12 de Setembro de 1954, faz 60 anos da estreia de Mário Coluna pelo SLB, e foi frente ao Vitória de Setúbal o adversário de hoje dos encarnados.
Na 1ª jornada do Campeonato Nacional de 1954/55, estreava-se oficialmente Mário Esteves Coluna, um dos “três mosqueteiros laurentinos”, como foram apresentados os três jogadores do Benfica que debutavam nesse jogo: além de Coluna, Costa Pereira e Naldo. O jogo de estreia foi apenas o início de uma carreira promissora para o “Monstro Sagrado”, que marcou dois golos na partida frente aos sadinos ganha por 5-0 pelos lisboetas.
 
 
Read More

Uma luz ao fundo do túnel para o futebol

Isto é que era uma maravilha! Seria uma revolução fantástica. Defendo esta alteração com unhas e dentes. Funciona tão bem no futebol americano (NFL).
O presidente da FIFA, Joseph Blatter, disse esta 2ª feira que pretende dar aos treinadores, a título experimental, a possibilidade de recorrerem a imagens para contrariarem as decisões dos árbitros durante os jogos de futebol.

O sistema poderá ser utilizado já durante o Campeonato do Mundo de sub-20, que se vai realizar em 2015, na Nova Zelândia, mas Blatter gostaria também de encontrar uma liga interessada em aplicá-lo.

O presidente da FIFA, que levantou pela primeira vez a questão durante o congresso do organismo, em Junho, anunciou a intenção de levar a proposta ao International Board, órgão responsável pelas alterações às leis do futebol.

“Os treinadores devem ter a oportunidade de questionarem as decisões dos árbitros das quais discordem, mas apenas quando o jogo estiver interrompido”, assinalou Blatter em conferência de imprensa realizada o Soccerex, um congresso de futebol que decorre na cidade inglesa de Manchester.
Read More

Seleção: esperado mas ridículo

Não deixa de ser um dos piores resultados de sempre da nossa Seleção Nacional mas desde há já largos meses que se percebe que a qualidade do jogador português desceu muito e que não há estrutura na FPF que consiga dar a volta a esta situação.
Caros leitores, a geração dourada já não existe, estamos muito mal habituados e resultados destes acontecerão com mais frequência. Não é muito difícil de fazer as comparações! Alguém consegue ver semelhanças entre Ricardo Costa e Ricardo Carvalho, entre André Gomes e Maniche, entre Éder e Pauleta ou entre Vieirinha e Figo?!?! Quem é Ricardo Horta? A qualidade é baixa, a estrutura é fraca então não há milagres.


Read More

Memórias do último europeu em França

"Única selecção de futebol do mundo que tem 17 dirigentes e quatro técnicos." A frase é do "Diário de Lisboa", em pleno Euro-84. Portugal chegou a França com uma comissão técnica composta por Fernando Cabrita, Toni, Morais e José Augusto, e com um grupo de jogadores profundamente divididos entre Benfica e Porto - ingredientes mais do que necessários para que tudo corresse mal. O extinto jornal descrevia assim o banco de suplentes durante um jogo: "[os 4 treinadores] gritarem seu conselho, sua ordem, sua indicação, cada uma diferente e todas a chocarem-se entre si." Mas Portugal tinha jogadores como Chalana, Jordão, Gomes ou Nené. O seu talento superou todos os desentendimentos fora de campo e a selecção conseguiu um histórico 3.º lugar no primeiro Europeu que disputou.

Trinta anos depois, Portugal arranca a qualificação para o Euro-2016, novo passaporte para estar numa fase final em França (este Domingo, 19h45). Toni, um dos elementos da célebre comissão técnica, recorda algumas das peripécias da altura com uma memória de precisão assustadora. O benfiquista sabe os meses dos jogos de preparação, os resultados, os marcadores, e fala com uma tranquilidade que só a passagem do tempo pode dar sobre um evento demasiado agitado para a selecção nacional: "Mesmo com todas as fracturas entre jogadores do Porto e Benfica - alguns nem se falavam -, fez um resultado histórico. Repetidas em Saltillo [México-86], felizmente que situações destas não voltaram a acontecer. A própria federação cresceu, com uma estrutura diferente."

Otto Glória era o treinador no início da qualificação, mas abandona depois da humilhação sofrida na Rússia (derrota por 5-0), também devido a motivos de saúde. Fernando Cabrita assume o cargo. "Eu e o sr. Morais não tínhamos contrato com a federação, éramos colaboradores", explica Toni. O objectivo da FPF foi encontrar adjuntos com ligação aos grandes clubes: Morais ao FC Porto, Toni ao Benfica, para equilibrar as divisões no plantel. Na chegada a França, num grupo com Alemanha, Espanha e Roménia, poucos esperavam que Portugal tivesse alguma hipótese. "Mas nesta década, até ali, o Benfica tinha sido finalista da Taça UEFA, o Porto da Taça das Taças e vem a ser campeão europeu e do mundo em 87, o Benfica finalista da Taça dos Campeões Europeus em 88. Há um conjunto de jogadores do Benfica e FCP de grande qualidade (e, por exemplo, António Oliveira e Manuel Fernandes, do Sporting, ficaram de fora). Tal como em 1966, quando Portugal foi para o Campeonato do Mundo, ninguém acreditava na selecção, a equipa acabou por se transcender e conseguir uma das melhores classificações de sempre em Mundiais."

Portugal chega à meia-final com a anfitriã França. "O jogo foi a prolongamento com uma exibição extraordinária do Manuel Bento, que levou a que Portugal estivesse a 5 ou 6 minutos de chegar à final." Uma derrota por 3-2, num jogo que fica para sempre como um dos melhores em Europeus. Mas chega de conversa, damos a palavra a Toni.

Como era possível tomar decisões com quatro treinadores?
Hoje, uma situação dessas era impensável, nunca aconteceria. Na véspera do jogo com a Alemanha, sentindo o ambiente, que estava de cortar à faca, todo o grupo se reuniu, jogadores e técnicos. Lembro-me até de ter tido uma intervenção dizendo isto: "Só faltou aos jogadores do Benfica trazerem as camisolas do Benfica, aos do Porto as camisolas do Porto e, no fundo, devíamos estar todos vestidos com uma camisola, a da selecção." Mas depois, dentro do campo, conseguiram pôr os interesses da selecção acima dos individuais.

Houve muitas críticas...
Tinham sempre os seus bodes expiatórios. Toda a gente percebeu que o elo mais fraco era a comissão técnica, foi mais fácil bater. O que é certo é que os jogadores também tiveram muitas culpas no ambiente. No jogo conseguiam ultrapassar isso e levaram a equipa até ao terceiro lugar. Foram eles que nos levaram, são sempre os jogadores que decidem.

Ainda assim, é invulgar...
Hás-de perguntar ao teu pai, houve um tempo em que havia um seleccionador nacional e depois um treinador. Quando foste 3.o no Mundial (66), havia um seleccionador que era o sr. Manuel da Luz Afonso e um treinador que era o sr. Otto Glória. Também não era muito comum isto existir. Depois houve o sr. José Maria Antunes, o sr. Juca, o sr. Pedroto, o sr. Mário Wilson, que eram treinadores, até que depois se passou só para a figura do seleccionador. Na altura (1984), devido às fracturas muito fortes que vinham a acentuar-se, para que se estabelecesse um equilíbrio havia os colaboradores, o sr. Morais, o sr. Toni. Tentávamos ajudar a fortalecer o grupo. Mas fomos impotentes.

Mas tudo acabou bem.
O que se conseguiu foi uma coisa histórica: pela primeira vez fomos à fase final, e não havia playoffs. Só passava o primeiro. O que era normal era ser a Rússia; ir Portugal foi anormal. Houve poucos aspectos positivos a retirar, mas 30 anos depois não vale a pena desenterrar mais coisas e bater mais no ceguinho.

Só em 2004 Portugal melhorou essa classificação (derrota na final com a Grécia). Portanto, foi uma fase final histórica.
Só havia oito equipas. Em 30 anos, muita coisa mudou no futebol, treino, não havia agentes. Em 1998, um árbitro impediu Portugal de poder estar em França. Praticamente desde 96 estivemos sempre nas fases finais, fruto dos clubes, dos treinadores portugueses e da qualidade dos jogadores.

Hoje em dia é muito diferente. Num grupo com cinco equipas, os dois primeiros ficam apurados directamente. Portugal não tem margem para falhar...

Trinta anos depois multiplicas por três: na altura eram oito, agora são 24 países na fase final. Vê o que é que não mudou. Isto é uma máquina de fazer dinheiro. Eram dois grupos de quatro selecções. Se Portugal tiver uma base de jogadores de grande qualidade em forma (Rui Patrício, Pepe, Moutinho, William, Adrien, Nani, Ronaldo), mesmo misturado com um outro que apareça, penso que não terá dificuldades de maior em chegar à fase final.

Trinta anos depois começa um novo caminho até França.
As grandes vitórias acontecem sempre com a qualificação. Dificilmente se pode almejar a mais porque olha-se para outras selecções e têm um potencial muito grande. É preciso que, naquele espaço temporal quando se joga o Mundial ou o Europeu, tenhas todos bem. Se três ou quatro não estiverem... No Brasil, não houve um jogador que estivesse bem. Portugal, com maior ou menor dificuldade, garantirá o apuramento fruto da qualidade dos seus jogadores. Na fase final depende de como estiverem, mas isso é depois.
Read More

Um perigo para as balizas

Falta um para o ataque do SLB. Só para lembrar neste último dia de mercado. O Benfica tem um mas está na baliza errada! Insustentável! Há dois anos, com Jackson, custou um campeonato. Nem me passa pela cabeça que Júlio César não seja o titular para esta época.


Read More

IBM

Temas

2011 2011/12 2012 2012/13 2013 2013/14 2014/15 2015/16 2016/17 2ª Divisão A Bola A Magia do Futebol AC Milan Academia Seixal Académica Adeptos Agenda Aguero Aimar Ajax Alemanha Alex Ferguson Alex Sandro Amigável análise tática Andebol Anderson Talisca André Gomes André Silva Andrea Pirlo Angola Aniversário Antevisão António Salvador Anzhi Apagão Apito Dourado arbitragem árbitro Argentina Arouca Arsenal Artur Artur Soares Dias AS Roma Atlético Madrid Atletismo auto-golo Balotelli Barcelona Basquetebol Bayer Leverkusen Bayern Munique Beckenbauer Beira-Mar Belenenses Benfica Benfica B Benfica Campeão Benfica TV Bernardo Sassetti bilhetes Blatter Blogs Blogs Benfica Blogs Futebol Boavista Boca Juniores Bola de Ouro Bolt Borussia Dortmund Bota de Ouro Boxing Day Braga Brasil Brasileirão Bruno Alves Bruno César Bruno de Carvalho Bruno Paixão Buffon Bundesliga C. Ronaldo Calendário Campeão Campeonato Alemão Campeonato Argentino Campeonato Brasileiro Campeonato da Europa Campeonato da Europa 2016 Campeonato do Mundo Campeonato do Mundo de Clubes Campeonato Escocês Campeonato Espanhol Campeonato Holandês Campeonato Italiano Campeonato Maicon Campeonato Nacional campeonatos europeus CAN Canoagem Capdevilla Cardinal Cardozo Carlo Ancelotti Carlos Martins Casagrande Casillas Caso vouchers Cavani Cech Celtic Glasgow Chalana Champions Chelsea Chicotada Ciclismo clássico Coluna Conselho de Arbitragem Conselho de Disciplina contas título contrato Copa do Mundo 2014 Copa dos Libertadores Corinthians corrupção Cosme Damião CR7 Cristiano Ronaldo crónica futebol D. Kiev David Beckham David Luiz Defeso Del Piero derby Derby della Madonnina Desportivo de Chaves Desporto Di Maria Di Matteo Diego Costa Direitos TV Djuricic Domingos Doping Doyen Sports Drogba Éder Ederson El Pibe Eleições Emerson Enke Enzo Pérez Equipa Equipas B Eredivisie escândalo Escutas Espanha Estádio da Luz Estádio de Alvalade Estádio do Jamor Estádio Dragão Estatísticas Estoril Estrelas do Futebol Euro 2004 Euro 2012 Euro 2016 Eusébio Eusébio Cup Everton FA Cup Fábio Coentrão Fair Play Fair Play financeiro Falcao FC Porto FCP Federação Portuguesa Futebol Fédération Internationale de Football Association Fehér Fernando Gomes Fernando Pimenta e Emanuel Silva Fernando Santos Fernando Torres FIFA Final Final Euro 2016 Final Liga dos Campeões Final Liga Europa 2012/13 Final Liga Europa 2013/14 finanças Fintas Flamengo Fluminense Football Leaks FPF França França 2016 Funny Football Fura-Redes Futebol Internacional Futebol Mundial Futebol Nacional Gaitán Galatasaray Garay Gareth Bale Gianni Infantino Giggs Gil Vicente Glorioso SLB Golden Boy Golo de Bicicleta Golo de Calcanhar Golo de Livre golo do ano Golo do Dia Golo Fantasma Gonçalo Guedes Grimaldo Guarda-Redes Guardiola Gyan Hat-Trick História Holanda Hóquei em Patins Hulk Ibrahimovic IFFHS Inferno da Luz Inglaterra Iniesta Inter International Board Itália Jackson Martínez James Rodríguez Jardel Jardel (33) Javi Garcia Jimmy Hagan JJ JO Joaquim Oliveira jogadores Benfica Jogos Olímpicos Johan Cruyff John Terry Jonas Jorge Jesus Jorge Mendes Jorge Sousa Jornal Jornal Record José Gomes José Mourinho José Pratas jovem promessa Júlio César juniores Jupp Heynckes Juventus Kaká Kardec Kelvin Klose Kompany La Liga Lampard Lazio Lázio Lebron James Leicester Leis do Futebol Léo Leonardo Jardim lesões Lewandowski LFV liga Liga BBVA Liga da Verdade Liga dos Campeões Liga Europa Liga Inglesa Liga Nos 2014/15 Liga Nos 2015/16 Liga Nos 2016/17 Liga Orangina Liga Portuguesa Liga Portuguesa Futebol Profissional Liga Zon Sagres Liga Zon Sagres 2012/13 Liga Zon Sagres 2013/14 Ligue 1 Lima Lindelof Lionel Messi Lisandro López Liverpool Ljubomir Fejsa Londres 2012 Lopetegui LPFP Luís Figo Luís Filipe Vieira Luisão Maicon Man. City Man. United Manchester City Manchester United Mantorras Manuel Fernandes Maracanã Maradona Mário Wilson Marítimo Markovic Matic Maxi Maxi Pereira Medalheiro Melgarejo melhor marcador melhores golos 2013 melhores golos 2014 melhores golos 2015 melhores golos 2016 Mercado Mesquita Alves Messi Mexes México Miccoli Michael Jordan Mitroglou Modalidades Moreirense Mourinho Moutinho Mundial 2014 Mundial 2018 Mundial Clubes Museu Cosme Damião Nacional Nani Nápoles NBA Nélson Oliveira Newcastle Neymar Nike nº 10 No Name Boys Nolito novo contrato Nuno Espírito Santo Nuno Gomes O. Lyon Oblak Ola John Olegário Benquerença Olhanense Olheiro Olivedesportos Os três grandes Ozil Paços de Ferreira Pantera Negra Paolo Maldini Parceiros Paulo Bento Paulo Fonseca Pedro Proença Penafiel penalty Pepe Petardos Petit Phelps Ping Pong Pinto da Costa Pizzi PJ Platini Polvo Portugal Portugal Campeão 2016 Postiga pré-época Premier League Prémio Puskas PSG PSV Ramires Raúl González Raúl Meireles Real Madrid Recordes Red Pass Reforços Regulamentos 72 horas Rei Eusébio relatório contas Renato Sanches Ribery Rio Ave Riquelme River Plate Robben Roberto Carlos Rodrigo Rodrigo Mora Rojo Ronaldinho Ronaldinho Gaúcho Ronaldo Ronaldo vs Messi Rooney Rúben Amorim Rui Costa Rui Vitória Rússia SAD Salvio Samaris Saviola SCB Scholes Scolari SCP Selecção Sérgio Conceição Sergio Ramos Serie A Sevilha Shevchenko Simão Sabrosa Sistema SL Benfica SLB Slimani sorteio Sport Lisboa e Benfica Sport tv Sporting Steven Gerrard Suárez sub-20 Suécia Suiça Sulejmani Super Maxi Supertaça Taça da Liga Taça da Liga Inglesa Taça das Confederações Taça das Nações Africanas Taça de Portugal Taça do Rei Tecnologia Golo Ténis Tévez Tondela Toni Top 10 Torneio Toulon Tottenham Totti tragédia futebol Transferências Treino Triplete Twitter U. Leiria UEFA UEFA Champions League União da Madeira Urreta V. Guimarães V. Setúbal Valdés Valência Valentim Loureiro Van Persie vídeo-árbitro Vídeos/Golos Villas-Boas Vitor Baia Vítor Pereira Walcott Wesley Sneijder Witsel Xavi Xistra Zenit S. Petersburgo Zidane