sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

"Uma equipa que perde a vantagem seis vezes tem problema emocional"

O treinador fala da falta de confiança do plantel, com exceção de Jonas, e elogia o discurso hábil de Rui Vitória. Pedro Henriques considera que os encarnados permitem muitas situações de perigo devido a mau posicionamento.

O Benfica já efetuou 27 jogos oficiais esta época e em 13 desses encontros não ganhou. O mais estranho, assim à primeira vista, tem que ver com uma tendência que se tem vindo a registar. São seis episódios, o último dos quais ocorrido quarta-feira em casa com o Portimonense - depois de estar em vantagem, o Benfica não a segurou, acabando por empatar ou perder. E, vendo bem, isso já custou uma entrada em falso na Liga dos Campeões, a única derrota no campeonato, a eliminação na Taça de Portugal e uma posição periclitante na Taça da Liga.

"Isso tem que ver com o estado emocional dos jogadores. Uma equipa da grandeza do Benfica que perde a vantagem seis vezes, isso tem que ver com o clima emocional e com os níveis de confiança dos jogadores, que estão em baixo claramente", sustenta Manuel José ao DN, que não tem pejo em elogiar como Rui Vitória lida publicamente com aspetos menos positivos: "Nota-se, apesar do discurso hábil do treinador, na forma como contorna essas situações, que o laço vai-se apertando e cada vez há menos espaço de manobra para poder fugir a estas questões. Isso tem que ver com os níveis de confiança da equipa e do plantel, que não é capaz de aguentar a pressão durante o jogo."

Pedro Henriques, antigo futebolista do clube encarnado e hoje comentador, faz uma analogia curiosa para explicar esta tendência pouco positiva do tetracampeão nacional. "Quando as coisas não correm bem, é natural que exista receio. Repare, quando somos mordidos por um cão passamos por outro que pode nem ter dentes, mas temos medo à mesma. O Benfica permite muitas situações de perigo ao adversário, é mais frágil na reação à perda da bola em relação ao ano passado e comparativamente a FC Porto e Sporting esta temporada", considera o ex-lateral-esquerdo.

Já Manuel José insiste na sua tese da personalidade de cristal, mas agora dá nomes a quem podia estar melhor na equipa e não está.

"Exceção feita ao Jonas, que é o melhor marcador do campeonato e faz golos atrás de golos, os jogadores do Benfica neste momento estão com uma enorme falta de confiança e personalidade de cristal. Sofrem um golo, entram em stress e num estado depressivo. Repare, na época passada o Pizzi foi o maior destaque do campeonato. Marcou dois golos com o Tondela, mas até ali o Pizzi passou praticamente pelos jogos. Isto é estranho. Um jogador que chegou ao Benfica perante a desconfiança de muita gente, afirmou-se, foi chamado à seleção, inclusivamente...", refere.

E continua, traçando um diagnóstico: "Há uma série de coisas que têm de ser avaliadas mas a conclusão a que chegamos é que a equipa do Benfica tem uma personalidade de cristal caracterizada pela insegurança que se reflete nos erros que cometem. O Benfica tem entradas meteóricas, agressivas, com golos nos primeiros minutos ou mesmo segundos como aconteceu com o Portimonense. Mas depois fecha a loja, mete-se atrás e começa a segurar o resultado, o que não se percebe. Isso tem que ver com os níveis de confiança e acho que já ninguém acredita em ninguém."

Treinador sem responsabilidades
Ainda assim, apesar de uma exceção que confirma a regra, Manuel José não vê o atual treinador do Benfica como principal responsável pelos resultados menos bons, em especial pelo clima de insegurança que leva a equipa a desperdiçar vantagens no marcador.

"Rui Vitória, jogue quem jogar, dá sempre uma segunda oportunidade. Houve, é verdade, um desvio de comportamento com o Bruno Varela após o jogo do Bessa, mas com Rui Vitória ganham e perdem todos. Não é um treinador indesejado pelos jogadores, é um treinador em quem os jogadores confiam. Não acredito que o plantel esteja contra ele", sustenta o técnico.

Pedro Henriques recorre às vendas de futebolistas de valor para justificar a turbulência na zona defensiva do tetracampeão nacional: "Os jogadores que sobraram da época passada não estão tão bem. O Pizzi é um exemplo, depois a linha defensiva tem menos três elementos e isso nota-se. Como se resolve? Trabalhando, vão ter de ir à luta com estes. O mercado de Janeiro é difícil, sinceramente não vejo como é que possa resolver todos os problemas, talvez dê para solucionar a situação do lateral-direito." Curiosamente, Manuel José vê em André Almeida um jogador "mais forte defensivamente do que Nélson Semedo" e lembra que "Lindelöf era eficaz".

A finalizar a questão dos jogos a meio da semana. Em dez realizados esta época, o Benfica apenas venceu a 1.ª jornada da I Liga diante do Sp. Braga. E o dérbi de 3 de Janeiro com o Sporting é a uma quarta-feira. "Não tenho explicação para isso", garante Manuel José.

Fonte: dn.pt

5 comentários:

Anónimo disse...

Está-se a passar o mesmo que depois da saída do JJ. Macacos no sótão. A saída de 4 titularíssimos afectou a confiança do grupo. É preciso um trabalho descomunal a nível psicológico para que eles acreditem no conjunto outra vez.

22 de dezembro de 2017 às 11:37
Benfiquista mas não burro! disse...

A saída de 4 titulares num plantel de 30 jogadores, grande parte deles nem os conhecia, não tem absolutamente nada a ver com confiança.

Eu diria que toda a campanha de difamação e de calúnia encetada pelos rivais, e o facto§ de muito adepto acéfalo e burro ir na cantiga será bem mais pernicioso para a confiança e para o nível moral da equipa. Desconfiança essa que passa para os jogadores.

Se não fosse assim, porque razão eles faziam essa campanha de difamação que já dura há 6 meses? É porque vêm vantagens e proveitos nesse facto.

Se os adeptos fossem pessoas inteligentes e espertas não caiam no logro e no jogo deles e uniam-se em vez de criticar!!! Se todos os adeptos formassem um muro anti campanha esta caia de podre!

Mas não é isso que verificamos. O que vemos é apontar de armas para dentro do clube o que apenas favorece quem montou a campanha!

22 de dezembro de 2017 às 20:25
José Rama disse...

Incompetência da direcção a todos os níveis, escolha do plantel, preparação física, psicológica, trabalho individual e táctica colectiva.

22 de dezembro de 2017 às 22:59
Dias Pereira disse...

Há sempre muitos teóricos a dar palpite por tudo e por nada...
Manuel José está comprovadamente senil, e mesmo enquanto esteve numa faixa etária não afectada por essa maleita, nunca fez nada que se visse. Ou já se esqueceram a porcaria que fez quando esteve no Benfica?!?...
E Pedro Henriques? Bem, será seguramente melhor a fazer analogias entre o futebol e as mordidas de cães do que foi enquanto lateral direito do Benfica, e do que hoje é, enquanto comentador desportivo!
Agora, há alguém que ainda acredite que o problema do Benfica são "personalidades de cristal" ou uma mera falta de confiança? Os problemas do Benfica são: um estado de laxismo e desresponsabilização múltipla, a vários níveis; uma direcção que se acha magnífica mas que continua a andar aos ziguezagues, tanto no plano desportivo como no da pura gestão patrimonial e financeira; uma equipa técnica que já deu provas repetidas de não ser capaz de trabalhar de forma eficaz antes dos jogos, e de não ser corajosa, assertiva e empreendedora nos momentos de competição, cansando indubitavelmente sócios e adeptos, e os próprios jogadores, com um discurso "redondo", monocórdico e inconsequente, qualquer que seja a circunstância em que aconteça; um lote de atletas que não tem resposta adequada, seja a nível físico, táctico ou emocional, que maioritariamente não se empenha nos jogos nem se preocupa com o que daí resulta; e, finalmente, mas não menos importante, uma massa adepta que marcha em direcção ao abismo e continua a caminhar sem olhar o chão onde pisa, embriagada que foi por uma série de conquistas que esconderam a fria realidade do nosso futebol que, como bem sabemos, não é do presente, mas sim de há largos meses atrás.
Este ciclo, e estes protagonistas - presidente, equipa técnica e muitos dos jogadores - está claramente esgotado. É assim a vida. E de nada serve ficarmos à espera de uma palete de jogadores que vai ser anunciada em Janeiro, porque o nosso problema é estrutural, tem a ver com a competência das pessoas, e isso só se resolve com o saneamento de quem já não faz parte da solução mas do problema.
Saudações benfiquistas!
Viuva o Benfica!

23 de dezembro de 2017 às 01:31
Dias Pereira disse...

Quis dizer "Viva o Benfica!"

23 de dezembro de 2017 às 01:33

Publicar um comentário

Partilha a tua opinião!

Temas

2011 2011/12 2012 2012/13 2013 2013/14 2014/15 2015/16 2016/17 2017/18 2018/19 2019/20 2020/21 2ª Divisão A Bola A Magia do Futebol AC Milan Academia Seixal Académica Adeptos Agenda Aguero Aimar Ajax Aleksandar Ceferin Alemanha Alex Ferguson Alex Sandro Alverca Amigável análise tática Andebol Anderson Talisca André Gomes André Silva Andrea Pirlo Angola Aniversário Antevisão António Salvador Anzhi Apagão Apito Dourado Apostas online arbitragem árbitro Argentina Arouca Arsenal Artur Artur Soares Dias AS Roma Atlético Madrid Atletismo auto-golo Balotelli Barcelona Basquetebol Bayer Leverkusen Bayern Munique Beckenbauer Beira-Mar Béla Guttmann Belenenses Benfica Benfica B Benfica Campeão Benfica TV Bernardo Sassetti Bernardo Silva bilhetes Blatter Blogs Blogs Benfica Blogs Futebol Boavista Boca Juniores Bola de Ouro Bolt Borussia Dortmund Bota de Ouro Boxing Day Braga Brasil Brasileirão Bruno Alves Bruno César Bruno de Carvalho Bruno Lage Bruno Paixão Buffon Bundesliga C. Ronaldo Calendário Campeão Campeonato Alemão Campeonato Argentino Campeonato Brasileiro Campeonato da Europa Campeonato da Europa 2016 Campeonato da Europa 2020 Campeonato do Mundo Campeonato do Mundo de Clubes Campeonato Escocês Campeonato Espanhol Campeonato Holandês Campeonato Italiano Campeonato Maicon Campeonato Nacional campeonatos europeus CAN Canoagem Capdevilla Cardinal Cardozo Carlo Ancelotti Carlos Martins Carlos Vinícius Casagrande CashBall Casillas Caso e-mails Caso vouchers Cavani Cech Celtic Glasgow Chalana Champions Chelsea Chicotada Ciclismo claques clássico Coluna Conselho de Arbitragem Conselho de Disciplina contas título contrato Copa do Mundo 2014 Copa dos Libertadores Corinthians corrupção Cosme Damião CR7 Cristiano Ronaldo crónica futebol D. Kiev David Beckham David Luiz De Gea Deco Defeso Del Piero derby Derby della Madonnina Desportivo das Aves Desportivo de Chaves Desporto Di Maria Di Matteo Diego Costa Direitos TV Djuricic Domingos Doping Doyen Sports Drogba Éder Ederson El Pibe Eleições Eleven Sports Eliseu Emerson Enke Enzo Pérez Equipa Equipas B Eredivisie Erling Haaland escândalo Escutas Espanha Estádio da Luz Estádio de Alvalade Estádio do Jamor Estádio Dragão Estatísticas Estoril Estrelas do Futebol EUA Euro 2004 Euro 2012 Euro 2016 Euro 2020 Euro 2021 Eusébio Eusébio Cup Everton Everton Cebolinha FA Cup Fábio Coentrão Fair Play Fair Play financeiro Falcao Famalicão FC Porto FCP Federação Portuguesa Futebol Fédération Internationale de Football Association Fehér Feirense Fernando Gomes Fernando Pimenta e Emanuel Silva Fernando Santos Fernando Torres FIFA FIFA World Cup Filipe Final Final Euro 2016 Final Liga dos Campeões Final Liga Europa 2012/13 Final Liga Europa 2013/14 finanças Fintas Fiorentina Flamengo Fluminense Football Leaks FPF França França 2016 Francisco Trincão Frederico Varandas Funny Football Fura-Redes Futebol feminino Futebol Internacional Futebol Mundial Futebol Nacional Futsal Gabriel Appelt Gaitán Galatasaray Garay Gareth Bale Gianni Infantino Giggs Gil Vicente Glorioso SLB Golden Boy Golo de Bicicleta Golo de Calcanhar Golo de Livre golo do ano Golo do Dia Golo Fantasma Gonçalo Guedes Grimaldo Guarda-Redes Guardiola Gyan Harry Kane Hat-Trick História Holanda Hóquei em Patins Hulk Ibrahimovic IFFHS Inferno da Luz Inglaterra Iniesta Inter International Board Isaías Islândia Itália Jackson Martínez James Rodríguez Jardel Jardel (33) Javi Garcia Jimmy Hagan JJ JO João Félix Joaquim Oliveira jogadores Benfica Jogo Duplo Jogos Olímpicos Johan Cruyff John Terry Jonas Jorge Jesus Jorge Mendes Jorge Sousa Jornal Jornal Record José Gomes José Mourinho José Pratas jovem promessa Júlio César juniores Jupp Heynckes Jürgen Klopp Justiça Juventus Kaká Kardec Kelvin Klose Kobe Bryant Kompany Krovinovic Kylian Mbappé La Liga Lampard Lazio Lázio Lebron James Leicester Leis do Futebol Léo Leonardo Jardim lesões Lewandowski LFV liga Liga BBVA Liga da Verdade Liga das Nações Liga dos Campeões Liga Europa Liga Inglesa Liga Nos 2014/15 Liga Nos 2015/16 Liga Nos 2016/17 Liga Nos 2017/18 Liga Nos 2018/19 Liga Nos 2019/20 Liga Orangina Liga Portuguesa Liga Portuguesa Futebol Profissional Liga Zon Sagres Liga Zon Sagres 2012/13 Liga Zon Sagres 2013/14 Ligue 1 Lima Lindelof Lionel Messi Lisandro López Liverpool Ljubomir Fejsa Londres 2012 Lopetegui LPFP Luís Figo Luís Filipe Vieira Luisão Luka Modric Maicon Man. City Man. United Manchester City Manchester United Mantorras Manuel Fernandes Maracanã Maradona Mário Wilson Marítimo Markovic Matic Maxi Maxi Pereira Medalheiro Melgarejo melhor marcador melhores golos 2013 melhores golos 2014 melhores golos 2015 melhores golos 2016 melhores golos 2018 melhores golos 2019 Mercado Mesquita Alves Messi Mexes México Miccoli Michael Jordan Mitroglou MLS Modalidades Moreirense Mourinho Moutinho Mundial 2014 Mundial 2018 Mundial 2022 Mundial Clubes Museu Cosme Damião Nacional Nani Nápoles NBA Nélson Oliveira Newcastle Neymar Nike nº 10 No Name Boys Nolito novo contrato Nuno Espírito Santo Nuno Gomes O. Lyon Oblak Ola John Olegário Benquerença Olhanense Olheiro Olivedesportos Os três grandes Ozil Paços de Ferreira Pantera Negra Paolo Maldini Parceiros Paulo Bento Paulo Fonseca Pedrinho Pedro Proença Pelé Penafiel penalty Pepe Petardos Petit Phelps Ping Pong Pinto da Costa Pizzi PJ Platini Polónia Polvo Portimonense Portugal Portugal Campeão 2016 Postiga pré-época Premier League Prémio Puskas PSG PSV Rafa Silva Ramires Raúl González Raúl Jiménez Raúl Meireles Real Madrid Recordes Red Pass Reforços Regulamentos 72 horas Rei Eusébio relatório contas Renato Sanches Ribery Ricardinho Ricardo Quaresma Rio Ave Riquelme Rivaldo River Plate Robben Roberto Carlos Rodrigo Rodrigo Mora Rojo Ronaldinho Ronaldinho Gaúcho Ronaldo Ronaldo vs Messi Rooney Rúben Amorim Rúben Dias Rui Costa Rui Gomes da Silva Rui Patrício Rui Vitória Rússia Rússia 2018 SAD Salah Salvio Samaris Santa Clara Saviola SCB Scholes Scolari SCP Seferovic Selecção Sérgio Conceição Sergio Ramos Serie A Sevilha Shakhtar Donetsk Shéu Shevchenko Simão Sabrosa Sistema SL Benfica SLB Slimani sorteio Sport Lisboa e Benfica Sport tv Sporting Steven Gerrard Suárez sub-20 Suécia Suiça Sulejmani Super Maxi Supertaça Taça da Liga Taça da Liga Inglesa Taça das Confederações Taça das Nações Africanas Taça de Portugal Taça do Rei Tecnologia Golo Ténis Tévez The Best Tite Tondela Toni Top 10 Torneio Toulon Tottenham Totti tragédia futebol Transferências Treino Triplete Twitter U. Leiria UEFA UEFA Champions League UEFA Youth League União da Madeira Urreta Uruguai V. Guimarães V. Setúbal Valdés Valência Valentim Loureiro Van Persie VAR vídeo-árbitro Vídeos/Golos Villas-Boas Virgil Van Dijk Vitor Baia Vítor Pereira Vlachodimos Voleibol Walcott Weigl Wesley Sneijder Witsel Xavi Xistra Zenit S. Petersburgo Zidane