sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Bruno Lage e o Clássico

Este sábado é dia de estreia para si e para a sua equipa técnica num clássico no Estádio da Luz. Que resposta gostava de ver o Benfica dar?

Gostava de assistir a um grande jogo de futebol à semelhança do que foi o FC Porto-Benfica para a Taça da Liga e o FC Porto-Benfica para o Campeonato [na época passada]. Foram dois jogos excecionais! Uma vitória do FC Porto, uma vitória do Benfica, mas saliento a qualidade de jogo e tudo aquilo que se passou, antes, durante e após o jogo, de grande elevação para o futebol nacional.

Na antevisão desta partida, o treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, disse que o Benfica tem o melhor plantel dos últimos anos. Qual é a sua maior preocupação quanto a este FC Porto?

O melhor plantel... no ano passado tínhamos. Acredito nisso, que o melhor é o que vence. Este ano ainda estamos a começar, vamos agora caminhar para a 3.ª jornada... Se chegarmos ao fim e vencermos, concordo com Sérgio Conceição, porque acredito que o melhor plantel é aquele que vence. Se hoje nos sentimos fortes como equipa e plantel, também não podemos esquecer o que era um passado recente, em que um treinador que cá estava optava por jogar Rodrigo ou Lima, Witsel ou Aimar... Estou completamente satisfeito com o nosso plantel, mas em todos os momentos temos de dar boas respostas. Olhar para o FC Porto é olhar para toda a sua qualidade. Nunca analiso um jogo em função de um resultado, mas sim da qualidade. Nestes quatro jogos, como nós, o FC Porto tem coisas boas e coisas menos boas. Acredito que do outro lado seja isto que esteja em mente: ter cuidados com o que fazemos de bom em termos coletivos e tentar aproveitar aspetos que ainda não estão tão bem trabalhados. Vejo uma equipa forte, determinada, com enorme organização coletiva e valores individuais muito fortes.

Concorda que Rafa tem sofrido faltas excessivas? O treinador do FC Porto considera que os jogadores que fazem a diferença são sempre alvo de maior atenção, mas disse que vai olhar para o Benfica enquanto coletivo, focando-se menos em jogadores em particular...

Tenho de concordar com Sérgio Conceição numa coisa, e por vezes isto também serve um bocadinho de reflexão para vós: as perguntas sempre no individual e depois dois treinadores a olhar mais para as questões coletivas. Completamente de acordo com isso. Sobre a questão do Rafa e dos valores individuais de uma equipa ou de outra: gosto de ver arbitragens à inglesa. E não estamos aqui a olhar para o Rafa. Seja o Rafa ou o Díaz, quando um jogador dribla um adversário e é travado em falta, tem de haver cartão amarelo, na minha opinião. Se queremos privilegiar o futebol ofensivo, um jogador qualquer que drible e depois seja parado em falta, isso tem de ser punido com cartão amarelo. Contra ou a favor do Benfica. Se o árbitro avisa à primeira, à segunda, à terceira... isso enerva de um lado e do outro. Se na primeira falta destas sai um cartão amarelo para qualquer dos lados, um bom árbitro agarra logo o jogo, e os próprios jogadores vão perceber que não podem travar os adversários em falta pela sua qualidade individual.

Raul de Tomas ainda não marcou golos. Chiquinho, por outro lado, tem merecido elogios. Pode ser uma ameaça para RDT e um par perfeito para Seferovic?

Isso é o que eu ando a dizer desde o início da época: eu quero é ameaças para toda a gente! E não sou o único treinador a dizê-lo. Queremos um plantel competitivo. A competitividade é que faz crescer. Sobre o Raul ou outro jogador marcar ou não marcar golos: lá está, é a questão individual, não estamos a olhar muito para o coletivo, e coletivamente sentimos que criamos muitas oportunidades e temos marcado muitos golos.

...

Vou falar dos nossos dois avançados, pelo facto de ainda não terem feito golos. Não tem qualquer problema. Foi a primeira coisa que lhes disse hoje. Não lhes vou pedir para marcar golos, mas quando deixarem de correr... não têm hipótese. Todos os avançados passam por isso. Ainda na época passada estive aqui a falar sobre o João Félix, que estava há dois jogos sem marcar e depois teve uma resposta fantástica e fez um hat-trick [na Liga Europa, frente ao Eintracht Frankfurt, no Estádio da Luz]. Sobre este tema recordo-me sempre das palavras do míster Nené. Toda a gente o conhece, foi um dos melhores marcadores do Benfica e também passou por isso. Ele dizia-me que quando não marcava golos também sofria pressão e a sua resposta era correr, sempre correr mais do que os adversários e do que os colegas que quisessem conquistar um lugar, porque assim, quando surgisse a oportunidade, ele fazia o que fez sempre, que era marcar golos. O mais importante é termos consciência dos homens que temos cá em casa. Tivemos três jogos, marcámos 12 golos, mas a questão individual vem sempre à baila. Nesta sequência de 20/21 jogos de campeonato, vencemos duas vezes por 1-0: uma em casa do V. Guimarães, outra em casa com o Tondela. Sabem quem marcou? Seferovic! E sempre a sair do banco. Por isso, duas coisas: espero que o Seferovic e o Raul tenham essa consciência de que quando os colegas não marcarem, eles consigam marcar e dar-nos a vitória; Seferovic, Raul e todos os avançados são importantes para a equipa e não precisam de começar no onze inicial.

O Benfica pode igualar a melhor série de vitórias no arranque do Campeonato. É mais uma meta que quer alcançar?

A única preocupação é vencermos o nosso jogo. Não me interessa esse tipo de recordes. Acredito muito é que ninguém perde nada à 3.ª jornada. E um bom exemplo disso é o que fizemos na época passada. Neste momento o mais importante é termos consciência do trabalho que temos de fazer e prepararmo-nos para vencer. O resto passa-nos ao lado.

Se perder, o FC Porto fica com seis pontos de atraso para o Benfica. O facto leva este clássico para outra dimensão no que à luta pelo primeiro lugar diz respeito?

Respondi na pergunta anterior... É olhar para o exemplo da época passada. Quando cá cheguei estávamos a sete pontos do primeiro lugar. O que é que diziam de nós nessa altura? Que tínhamos perdido o campeonato, que não havia hipótese, ainda por cima tendo sido o treinador da B a assumir a equipa principal. E acabámos por vencer! Independentemente da distância pontual a seguir ao jogo, nada fica decidido à 3.ª jornada.

O treinador do FC Porto tem feito algumas variações táticas na equipa. Como é que o Benfica se preparou para os sistemas do adversário?

Primeiro, não podemos fugir das características de cada um dos nossos jogadores. Há um ou outro que tem uma transição defensiva muito mais forte, e isso temos de ajustar e adaptar em função do adversário. E o outro momento é este: quando perdermos a bola, temos de estar no sítio certo, com gente preparada, atrás da linha da bola, para que o adversário não tenha tempo par pensar e solicitar os seus avançados, e que esses homens da frente tenham uma vigilância mais apertada. Se o FC Porto jogar em 4x4x2, o nosso equilíbrio será feito de uma maneira, e se jogar com um dos alas numa zona mais interior, o equilíbrio será feito de outra forma.

Sente que, nesta fase, o FC Porto está mais pressionado para vencer do que o Benfica?

Nenhuma das equipas vai olhar para a tabela classificativa ou para os pontos. A grande preocupação, de um lado e do outro, é vencer. Nós, independentemente do percurso que fizemos até aqui, e a jogar em casa, também não estamos pressionados para vencer? Estamos. Ambas as equipas estão pressionadas e, creio eu, motivadas para ganhar o jogo.

Considera arriscado jogar com um lateral-esquerdo adaptado à direita contra um rival como o FC Porto, até pelo facto de nesse corredor o adversário ter Alex Telles e Luis Díaz?

É o mesmo risco que colocar um ala a lateral-direito. É raro ver um lateral-esquerdo a jogar na direita, mas também pode trazer vantagens, como aquele golo que o Nuno Tavares marcou ao Paços de Ferreira. Se calhar, o maior risco foi colocar um jovem com apenas meia dúzia de jogos na II Liga a jogar uma Supertaça e a iniciar o Campeonato. Mas como conhecemos bem a qualidade do Nuno, não foi assim um risco tão grande.

Vê assim tantas diferenças no FC Porto para aquele que enfrentou e venceu, há uns meses, no Dragão?

Curiosamente não vejo, porque a questão coletiva está presente. Vejo que o Díaz é um jogador que também procura o espaço interior. Parecido com o Brahimi, mas diferente, porque este aparecia a jogar à frente do nosso bloco, dos nossos médios, enquanto Díaz segura-se mais entre linhas e ataca muito as costas do central. Essa é, eventualmente, a grande diferença. A força e a dinâmica do coletivo estão bem presentes.

Estamos a uma semana do encerramento do mercado de transferências. Este jogo pode ser decisivo quanto a alguma decisão sobre o reforço do plantel?

Não! E aproveito para informar que, após o fecho do mercado, terei todo o gosto em responder a todas as perguntas e esclarecer muita coisa, de forma aberta, também para que os nossos adeptos percebam aquilo que realmente acontece. A avaliação nunca é num jogo, é diária, no treino e no jogo.

5 comentários:

Anónimo disse...

so nao concordo muito na questao dos avançados como disse di stefano a obrigaçao dos avançados e marcar golos

23 de agosto de 2019 às 23:28
Anónimo disse...

correr muito? johan cruyff disse no futebol nao precisa correr muito tem que usar o cerebro e estar no sitio certo a hora certa nem mais cedo nem mais tarde desculpa fura redes

24 de agosto de 2019 às 00:06
Anónimo disse...

Embrulhem corruptos toupeirenses. Cagoes e fanfarroes.

24 de agosto de 2019 às 21:28
Vítor Pereira disse...

O Benfica foi nitidamente prejudicado pelo árbitro. Estou em querer que este ano não deixam o Benfica ser campeão. A nação benfiquista tem de denunciar a situação.

24 de agosto de 2019 às 21:33
Fura-Redes disse...

prejudicado? não vi nada disso

25 de agosto de 2019 às 10:56

Enviar um comentário

Partilha a tua opinião!

IBM

Temas

2011 2011/12 2012 2012/13 2013 2013/14 2014/15 2015/16 2016/17 2017/18 2018/19 2019/20 2ª Divisão A Bola A Magia do Futebol AC Milan Academia Seixal Académica Adeptos Agenda Aguero Aimar Ajax Alemanha Alex Ferguson Alex Sandro Amigável análise tática Andebol Anderson Talisca André Gomes André Silva Andrea Pirlo Angola Aniversário Antevisão António Salvador Anzhi Apagão Apito Dourado Apostas online arbitragem árbitro Argentina Arouca Arsenal Artur Artur Soares Dias AS Roma Atlético Madrid Atletismo auto-golo Balotelli Barcelona Basquetebol Bayer Leverkusen Bayern Munique Beckenbauer Beira-Mar Béla Guttmann Belenenses Benfica Benfica B Benfica Campeão Benfica TV Bernardo Sassetti Bernardo Silva bilhetes Blatter Blogs Blogs Benfica Blogs Futebol Boavista Boca Juniores Bola de Ouro Bolt Borussia Dortmund Bota de Ouro Boxing Day Braga Brasil Brasileirão Bruno Alves Bruno César Bruno de Carvalho Bruno Lage Bruno Paixão Buffon Bundesliga C. Ronaldo Calendário Campeão Campeonato Alemão Campeonato Argentino Campeonato Brasileiro Campeonato da Europa Campeonato da Europa 2016 Campeonato do Mundo Campeonato do Mundo de Clubes Campeonato Escocês Campeonato Espanhol Campeonato Holandês Campeonato Italiano Campeonato Maicon Campeonato Nacional campeonatos europeus CAN Canoagem Capdevilla Cardinal Cardozo Carlo Ancelotti Carlos Martins Casagrande CashBall Casillas Caso e-mails Caso vouchers Cavani Cech Celtic Glasgow Chalana Champions Chelsea Chicotada Ciclismo claques clássico Coluna Conselho de Arbitragem Conselho de Disciplina contas título contrato Copa do Mundo 2014 Copa dos Libertadores Corinthians corrupção Cosme Damião CR7 Cristiano Ronaldo crónica futebol D. Kiev David Beckham David Luiz De Gea Deco Defeso Del Piero derby Derby della Madonnina Desportivo das Aves Desportivo de Chaves Desporto Di Maria Di Matteo Diego Costa Direitos TV Djuricic Domingos Doping Doyen Sports Drogba Éder Ederson El Pibe Eleições Eleven Sports Eliseu Emerson Enke Enzo Pérez Equipa Equipas B Eredivisie escândalo Escutas Espanha Estádio da Luz Estádio de Alvalade Estádio do Jamor Estádio Dragão Estatísticas Estoril Estrelas do Futebol EUA Euro 2004 Euro 2012 Euro 2016 Euro 2020 Eusébio Eusébio Cup Everton FA Cup Fábio Coentrão Fair Play Fair Play financeiro Falcao FC Porto FCP Federação Portuguesa Futebol Fédération Internationale de Football Association Fehér Feirense Fernando Gomes Fernando Pimenta e Emanuel Silva Fernando Santos Fernando Torres FIFA FIFA World Cup Filipe Final Final Euro 2016 Final Liga dos Campeões Final Liga Europa 2012/13 Final Liga Europa 2013/14 finanças Fintas Fiorentina Flamengo Fluminense Football Leaks FPF França França 2016 Frederico Varandas Funny Football Fura-Redes Futebol feminino Futebol Internacional Futebol Mundial Futebol Nacional Futsal Gaitán Galatasaray Garay Gareth Bale Gianni Infantino Giggs Gil Vicente Glorioso SLB Golden Boy Golo de Bicicleta Golo de Calcanhar Golo de Livre golo do ano Golo do Dia Golo Fantasma Gonçalo Guedes Grimaldo Guarda-Redes Guardiola Gyan Harry Kane Hat-Trick História Holanda Hóquei em Patins Hulk Ibrahimovic IFFHS Inferno da Luz Inglaterra Iniesta Inter International Board Islândia Itália Jackson Martínez James Rodríguez Jardel Jardel (33) Javi Garcia Jimmy Hagan JJ JO João Félix Joaquim Oliveira jogadores Benfica Jogo Duplo Jogos Olímpicos Johan Cruyff John Terry Jonas Jorge Jesus Jorge Mendes Jorge Sousa Jornal Jornal Record José Gomes José Mourinho José Pratas jovem promessa Júlio César juniores Jupp Heynckes Jürgen Klopp Juventus Kaká Kardec Kelvin Klose Kompany Krovinovic Kylian Mbappé La Liga Lampard Lazio Lázio Lebron James Leicester Leis do Futebol Léo Leonardo Jardim lesões Lewandowski LFV liga Liga BBVA Liga da Verdade Liga das Nações Liga dos Campeões Liga Europa Liga Inglesa Liga Nos 2014/15 Liga Nos 2015/16 Liga Nos 2016/17 Liga Nos 2017/18 Liga Nos 2018/19 Liga Nos 2019/20 Liga Orangina Liga Portuguesa Liga Portuguesa Futebol Profissional Liga Zon Sagres Liga Zon Sagres 2012/13 Liga Zon Sagres 2013/14 Ligue 1 Lima Lindelof Lionel Messi Lisandro López Liverpool Ljubomir Fejsa Londres 2012 Lopetegui LPFP Luís Figo Luís Filipe Vieira Luisão Luka Modric Maicon Man. City Man. United Manchester City Manchester United Mantorras Manuel Fernandes Maracanã Maradona Mário Wilson Marítimo Markovic Matic Maxi Maxi Pereira Medalheiro Melgarejo melhor marcador melhores golos 2013 melhores golos 2014 melhores golos 2015 melhores golos 2016 melhores golos 2018 melhores golos 2019 Mercado Mesquita Alves Messi Mexes México Miccoli Michael Jordan Mitroglou MLS Modalidades Moreirense Mourinho Moutinho Mundial 2014 Mundial 2018 Mundial 2022 Mundial Clubes Museu Cosme Damião Nacional Nani Nápoles NBA Nélson Oliveira Newcastle Neymar Nike nº 10 No Name Boys Nolito novo contrato Nuno Espírito Santo Nuno Gomes O. Lyon Oblak Ola John Olegário Benquerença Olhanense Olheiro Olivedesportos Os três grandes Ozil Paços de Ferreira Pantera Negra Paolo Maldini Parceiros Paulo Bento Paulo Fonseca Pedro Proença Pelé Penafiel penalty Pepe Petardos Petit Phelps Ping Pong Pinto da Costa Pizzi PJ Platini Polónia Polvo Portimonense Portugal Portugal Campeão 2016 Postiga pré-época Premier League Prémio Puskas PSG PSV Rafa Silva Ramires Raúl González Raúl Jiménez Raúl Meireles Real Madrid Recordes Red Pass Reforços Regulamentos 72 horas Rei Eusébio relatório contas Renato Sanches Ribery Ricardinho Ricardo Quaresma Rio Ave Riquelme Rivaldo River Plate Robben Roberto Carlos Rodrigo Rodrigo Mora Rojo Ronaldinho Ronaldinho Gaúcho Ronaldo Ronaldo vs Messi Rooney Rúben Amorim Rúben Dias Rui Costa Rui Patrício Rui Vitória Rússia Rússia 2018 SAD Salah Salvio Samaris Santa Clara Saviola SCB Scholes Scolari SCP Seferovic Selecção Sérgio Conceição Sergio Ramos Serie A Sevilha Shéu Shevchenko Simão Sabrosa Sistema SL Benfica SLB Slimani sorteio Sport Lisboa e Benfica Sport tv Sporting Steven Gerrard Suárez sub-20 Suécia Suiça Sulejmani Super Maxi Supertaça Taça da Liga Taça da Liga Inglesa Taça das Confederações Taça das Nações Africanas Taça de Portugal Taça do Rei Tecnologia Golo Ténis Tévez The Best Tite Tondela Toni Top 10 Torneio Toulon Tottenham Totti tragédia futebol Transferências Treino Triplete Twitter U. Leiria UEFA UEFA Champions League União da Madeira Urreta Uruguai V. Guimarães V. Setúbal Valdés Valência Valentim Loureiro Van Persie VAR vídeo-árbitro Vídeos/Golos Villas-Boas Virgil Van Dijk Vitor Baia Vítor Pereira Vlachodimos Voleibol Walcott Wesley Sneijder Witsel Xavi Xistra Zenit S. Petersburgo Zidane